Tecnologia dos solos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 65 (16212 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLÔGIA DO PARÁ.
CAMPUS – NOVA MARABÁ
CURSO: TÉCNICO EM EDIFICAÇÕES



ATERROS E COMPACTAÇÃO

__________________________________________________________________________________________________________
MARABA-PA
AGOSTO – 2009
INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PARÁ.
CAMPUS – NOVA MARABÁ
CURSO: TÉCNICO EM EDIFICAÇÕESDISCIPLINA: TÓPICOS DE MECÂNICA DOS SOLOS
PROFESSOR: ÂNGELO BRITTO
TURMA: TARDE
EQUIPE: ARIONILDE DE OLIVEIRA VIANA
DANIELE BASTOS PRIMO
JACILEIA SALDANHA E SILVA
MIKAL NAYARA
MURILO DE SOUZA SILVA
RODRIGO GOMES FERREIRA


ATERROS E COMPACTAÇÃO

AVALIAÇÃO DISCIPLINAR APRESENTADA COMOREQUISITO PARCIAL DA DISCIPLINA TÓPICOS DE MECÂNICA DOS SOLOS ORIENTADA PELO PROFESSOR: ÂNGELO BRITTO.

___________________________________________________________________________________________________
MARABA-PA
AGOSTO – 2009

Sumário
Lista de imagens6
Lista de tabelas7
1 INTRODUÇÃO 8
2Tipos de aterros 9
2.1 Quais os diversos tipos de finalidade de uso10
2.1.1 Aterro industrial9
2.1.2 Aterro Sanitário9
2.1.3 Aterros comuns ou lixões10
2.1.4 Aterros controlados10
2.1.5 Aterros de superfície11
2.1.6 Aterros de depressões11
2.2 Cuidados que se deve ter com sua preparação11
2.3 Tipos de matérias mais utilizados nos aterros12
2.4 Forma18
2.5 Características18
2.5.1Estanquidade18
2.5.2 Estabilidade19
2.5.3 Folga19
2.5.4 Outras características20
3 Compactação dos solos20
3.1 Introduções a compactação dos solos20
3.2 Curvas de compactação21
3.3 Ensaios de compactação23
3.4 Ensaios normal de compactação 23
3.5 Equipamentos de compactação24
3.6 Soquetes24
3.7 Rolos Estáticos25
3.7.1 Pé-de-Carneiro25
3.7.2 Rolo Liso25
3.7.3 Rolo Pneumático26
3.7.4Rolos Vibratórios26
3.8 Escolha dos equipamentos de compactação27
3.8.1 Solos Coesivos27
3.8.2 Solos Granulares27
3.8.3 Mistura de Solos27
3.8.4 Mistura de argila, silte e areia27
3.8.5 Qualquer tipo de solo27
3.9 Noções de controle de compactação28
4 Classificação e identificação dos solos29
4.1 Introduções a classificação e identificação dos solos29
4.2 Sistemas de classificação29
4.3Principais sistemas de classificação do Brasil30
4.4 Identificações dos solos30
5 RESISTÊNCIA AO CISALHAMENTO DOS SOLOS31
5.1 Coeficientes de empuxo (k₀) 32
5.2 Critérios de ruptura de Mohr33
5.3 Resistências dos solos34
5.3.1 Coesão34
5.4 Superfícies de ruptura35
5.4.1 Tipos de ruptura35
5.4.1.1 Ruptura geral35
5.4.1.2 Ruptura local35
5.4.1.3 Ruptura por puncionamento35
5.5 Ensaios decisalhamento36
5.5.1 Ensaios Triaxiais36
5.5.2 Ensaio de compressão simples37
5.6 Comportamentos de areias e argilas37
5.6.1 Areias37
5.6.2 Comportamento em ensaio Triaxial37
5.6.3 Índices de vazios críticos: 38
5.6.4 Liquefação das areias39
5.6.5 Coesão nas areias39
5.6.5.1 Argilas40
5.7 Resistências dos solos não drenados40
5.7.1 Analise em termos de Tensões Totais40
5.7.2Resistência das argilas nos ensaios CU40
5.8 Trajetórias de Tensões41
5.9 Empuxos de terra41
5.10 Teorias de Rankine42
5.10.1 Terrapleno inclinado42
5.10.2 Terrapleno horizontal42
5.11 Estruturas de arrimo44
6 COMPRESSABILIDADE E ADENSAMENTO DOS SOLOS45
6.1 Conceitos de compressibilidade45
6.2 Classificações dos recalques: 45
6.3 Teorias do Adensamento de Terzagi; 46
6.4 Cálculos de recalques porAdensamento: 47
7 Retiradas de amostras de solos48
7.1 Importância48
7.2 Amostras deformadas49
7.3 Amostras indeformadas49
7.4 Amostras representativas50
7.5 Cuidados50
7.6 Equipamentos para a amostragem50
7.7 Aparelhagens para preparação com secagem prévia51
8 RESISTENCIA DOS SOLOS51
8.1 Ensaios de compactação de solos52
8.2 Ensaios de compactação - Proctor Normal53
8.3 Ensaios...
tracking img