Tecido nervoso

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3264 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]

ANILDES TAVARES

ARACELI LIMA DE SOUZA

ARIELE FRANCIS DAMASCENO

GEISA SANTOS PEREIRA
JOSE GEORGE PEIXINHO
JORGE ANDRE CRUZ

JOSETE DE SANTANA

MICHELE DOS SANTOS

HISTORIA DA SAUDE PUBLICA NO BRASIL

( PERIODO 1900 Á 1930 )

Salvador - Bahia, 2011.1

ANILDES TAVARES

ARACELI LIMA DE SOUZA

ARIELE FRANCIS DAMASCENO

GEISA SANTOS PEREIRA
JOSE GEORGEPEIXINHO
JORGE ANDRE CRUZ

JOSETE DE SANTANA

MICHELE DOS SANTOS

HISTORIA DASAUDE PUBLICA NO BRASIL: Breve Relato

Trabalho de aproveitamento da disciplina: Saúde Coletiva, ministrada pela Profª Daiane Burgos, Curso de Enfermagem, Noturno, primeiro semestre, da FTC-Faculdade de Tecnologia e Ciências.

Salvador-Bahia 2011.1

SUMÁRIO

1. INTRODUÇÃO…………………………………………………………… 1
2. OBJETIVO ……………………………………………………….................. 6
3. METODOLOGIA ................................................................................................... 6
4. RESULTADOS E DISCURSSÕES ............................................................... 7
5. CONSIDERAÇÕES FINAIS.......................................................................... 11
6.REFERÊNCIAS BLIOGRÁFICAS...................................................................... 12
7.ANEXO I ............................................................................................................. 13
8.ANEXO II ............................................................................................................ 161. INTRODUÇÃO

Neste trabalho iremos fazer um breve relato sobre a historia da saúde publica no Brasil.

Ao longo de anos, a saúde brasileira, vem sendo tratada com descaso e sofrimento, o que se observa é que isso atinge em maior escala a classe dos ínfimos. Outrora no Brasil, a persistência de um relacionamento conflituoso entre as classes sociais e o Estado dá sentido ao quadro – mantidoatravés da historia do País – de precariedade na saúde coletiva, que após diversas tentativas, e a criação de vários programas de saúde sem êxito no passado. Entretanto em tempos atuais, esse quadro tem melhorado com a intervenção do Estado, que finalmente conseguiu criar o mais completo modelo de saúde para a população brasileira – O SUS ( Sistema único de Saúde ).
Contudo as péssimas condiçõesde saúde da população brasileira, está ainda presente em seu cotidiano, o que podemos confirmar através do viver, do sentir e de divulgações e abordagens feitas pela mídia, a exemplo de:

- Mau direcionamento das verbas e baixos valores repassados pelo SUS aos diversos profissionais da área de saúde, bem como procedimentos médicos-hospitalares;
- Escassez de profissioniasqualificados, gerando muitas vezes mau atendimento a população.

OBJETIVOS

• Conhecer o processo histórico de constituição das políticas de saúde no Brasil.
• Refletir sobre a evolução e desenvolvimento dos modelos de proteção social, relacionados à proteção à saúde, no Brasil.
• Analisar criticamente esta evolução à luz da política de saúde atual.

1500 ATÉ PRIMEIRO REINADO –BRASIL COLONIA

Nos tempos de colônia praticamente não existia a saúde publica no Brasil. Haviam apenas ao Pajés com suas ervas medicinais e cantos, e os Boticários ( farmacêuticos) que viajavam pelo Brasil colônia, eram as únicas formas de assistência a saúde. Podemos salientar que em 1789 haviam apenas quatro médicos na cidade do Rio de Janeiro.
Chegou ao Brasil então em 1808 a família realportuguesa, e devido a carência da corte foi criada as duas primeiras escolas de medicina do País: o Colégio Médico-Cirúrgico no Real Hospital Militar da Cidade de Salvador e a Escola de Cirurgia do Rio de Janeiro. Foram essas as únicas medidas governamentais até a República.

“Muitos morreram com a pegajosa, compacta, dura doença dos grãos.” Eduardo Galeano

A varíola chegou às Américas...
tracking img