Tcc ure

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 33 (8004 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 6 de julho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Sumário
Sumário 5
1. Objetivo 7
1.1. Introdução 7
2. Descrição do processo 8
3. Fluxograma do processo 10
4. Balanço de Massa 11
5. Balanço de massa dos componentes 12
5.1. Cálculo da corrente 1 12
5.2. Cálculo da corrente 2 13
5.3. Cáculo da corrente 3 14
5.4. Cálculo da corrente 4 15
5.5. Cálculo da corrente 5 15
5.6. Cálculo da corrente 6 17
5.7.Cálculo da corrente 7 17
5.8. Cálculo da corrente 8 19
5.9. Cálculo da corrente 9 19
5.10. Cálculo da corrente 10 19
5.11. Cálculo da corrente 11 19
5.12. Cálculo da corrente 12 20
6. Balanço de energia 21
6.1. Cálculo do calor gerado pela fornalha 22
6.2. Cálculo da geração de vapor na fornalha F-01 (corrente 19) 23
6.3. Cálculo do vapor gerado no P-01 (corrente 15) 24
6.4.Cálculo do vapor gerado no P-03 (corrente 16) 26
6.5. Cálculo do vapor gerado no P-05 (corrente 17) 28
6.6. Cálculo da geração total de vapor de baixa pressão (corrente 20) 30
6.7. Cálculo do consumo de vapor no P-02 30
6.8. Cálculo do consumo de vapor no P-04 32
6.9. Cálculo do consumo total de vapor de alta pressão (corrente 18) 33
6.10. Cálculo do consumo de água de caldeira(corrente 13) 33
7. Cálculo do compressor de ar C-01 34
8. Cálculo da bomba B-01 37
9. Cálculo da bomba B-02 43
10. Cálculo do trocador de calor P-01 48
11. Trocadores de calor P-03 E P-05 59
12. Cálculo do trocador de calor P-02 60
13. Trocadores de calor P-04 69
14. Cálculo do tanque T-01 70
15. Cálculo do tanque T-02 71
16. Cálculo do vaso V-01 72
17. Anexos 7317.1. Gráfico 1: Viscosidade do enxofre liquido 73
17.2. Tabela 1: Valores de rugosidades 73
17.3. Tabela 2: Velocidades recomendadas 74
17.4. Tabela 3: Comprimento Equivalente dos acessórios em ft 75
17.5. Tabela 4: Diâmetro do Casco 76
17.6. Tabela 5: Estimativa do U 77
17.7. Tabela 6: Dimensões dos tubos mais utilizados 78
17.8. Tabela 7: Fator de Compressibilidade deGases 79
18. Bibliografia 80

1. Objetivo

O objetivo deste processo é a fabricação de enxofre líquido através do gás sulfídrico (H2S), demonstrando detalhadamente a importância das Unidades de Recuperação de Enxofre (URE’s) e as etapas das reações do Processo Claus abordando a carga da unidade
.
2.1. Introdução

O enxofre é uma matéria-prima básica de extrema necessidade,utilizada largamente na agricultura, seu consumo está diretamente relacionado à produção de ácido sulfúrico, que por sua vez é destinado em cerca de 70 a 80% à produção de ácido fosfórico e de fertilizantes. Outros importantes setores consumidores são: pigmentos inorgânicos, papel celulose, borracha, fabricação de bissulfeto de carbono, explosivos, indústria açucareira e cosmética.
A recuperação deenxofre através do processo Claus foi desenvolvida em 1883 pelo químico Carl Friedrich Claus e patenteado em 1884. Sua evolução tem sido regida pelo aumento das exigências ambientais e avanços tecnológicos (queimadores, materiais e instrumentação), pois a emissão de óxidos de enxofre é um aspecto negativo que este tipo de poluição pode trazer.
Esse processo é utilizado principalmente para recuperaro enxofre de correntes gasosas ricas em H2S, procedentes dos principais processos, tais como: tratamento de águas ácidas, dessulfuração de gases e líquidos por alcanolaminas e hidrotratamento.
A recuperação de enxofre através do processo Claus é atualmente considerado como o principal processo para atendimento aos padrões de emissão de SO2 de efluentes gasosos ricos em H2S. Basicamente esseprocesso consiste em duas etapas em série: uma térmica e outra catalítica.
No processo Claus original haviam muitas limitações devido à retirada do calor da reação e a dificuldade de se controlar a temperatura.
Este processo é de extrema importância para as indústrias químicas, pois além de contribuir para a diminuição das emissões de compostos de enxofre, produz-se o enxofre elementar....
tracking img