Tabela hepatites

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2021 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Quadro de Resumo |
A |
Tipos de vírus |
VHA, da família dos picornavírus.
O genoma é constituído por ARN (ácido ribonucleico).
Encontra-se nas fezes da pessoa infectada.
O período de incubação dura entre 20 e 40 dias. |
Características |
É frequente em Portugal.
Aparece na infância ou na fase de adulto jovem, em especial, nos países em desenvolvimento.
Cura-se ao fim de 3 a 5semanas e não evolui para doença crónica.
Raramente exige internamento hospitalar.
Não é fatal. |
Sintomas |
Durante o período de incubação, a doença não se manifesta.
Inicialmente assemelha-se a uma gripe com febre, mialgias e mal-estar geral, depois aparece a icterícia, a falta de apetite e os vómitos. |
Tratamento |
Não há um medicamento específico.
Repouso moderado.
Aalimentação deve ser rica em proteínas e baixa em gorduras. |
Transmissão |
Através de alimentos ou de água contaminados por matérias fecais.
Consumo de mariscos de viveiros contaminados por água de esgotos.
Frutas, vegetais e saladas ou outros alimentos crus, contaminados por água de esgotos.
Contacto com matéria fecal. |
Formas de evitar contágio |
Lavar as mãos após a utilização da casa debanho, de mudar uma fralda, e antes de cozinhar ou comer.
Em países da Ásia, África ou das Américas (Central e do Sul), optar por beber água engarrafada, ingerir alimentos embalados e evitar o consumo de gelo.
No convívio com uma pessoa infectada, lavar a louça a temperaturas altas, não partilhar a sanita nem a cama, evitar o sexo oro-anal |
Vacina |
Existe desde 1991.
É dada em duasdoses: a segunda, 6 a 12 meses após a primeira.
Recomendada para pessoas que viajam com frequência ou que permanecem um longo período em países onde a doença é comum entre a população. |
B |
Tipos de vírus |
VHB, da família dos hepadnavírus.
O genoma é constituído por ADN (ácido desoxirribonucleico).
Encontra-se no homem doente e no portador.
Tem um período de incubação lento, entre asseis semanas e os seis meses.
É mais comum na Ásia, Pacífico e África inter-tropical, do que no mundo ocidental. |
Características |
Descoberta em 1965, é a mais perigosa das hepatites e uma das doenças mais graves do mundo. Torna-se crónica em menos de 10% dos casos. Pode ser fatal.
Existem 350 milhões de portadores crónicos do vírus que podem desenvolver doenças hepáticas graves, como acirrose e o cancro do fígado.
Nos países em desenvolvimento, as crianças são as mais afectadas, enquanto no mundo industrializado, o vírus é sobretudo transmitido aos jovens adultos, por contacto sexual e na partilha de seringas entre os utilizadores de drogas injectáveis. |
Sintomas |
Os primeiros sintomas são febre, mal-estar, desconforto, dores abdominais; mais tarde surgem icterícia,urina escura e fezes claras.
Esta hepatite decorre sem sintomas em 90 por cento dos casos. |
Tratamento |
A hepatite aguda B é tratada com repouso.
Na hepatite crónica, usa-se o interferão ou o peginterferão durante seis a doze meses.
O tratamento com análogos dos nucleósidos, como a lamivudina ou o adefovir, é outra terapêutica utilizada.
O tratamento tem uma eficácia de 15 a 45 %. |Transmissão |
Através:
- do contacto com sangue contaminado (partilha de seringas e outros materiais usados pelos consumidores de drogas intravenosas, tatuagens, acupunctura, transfusões de sangue e derivados
- do contacto sexual
- da transmissão materno-fetal. |
Formas de evitar contágio |
Evitar o contacto com sangue infectado, não partilhar objectos cortantes e perfurantes quepossam ter estado em contacto com sangue contaminado, nem seringas e outros objectos utilizados na preparação e consumo de drogas injectáveis e inaláveis e usar sempre preservativo nas relações sexuais.
Também se deve ter cuidado com a colocação de piercings, a realização de tatuagens e de tratamentos de acupunctura, se os instrumentos utilizados não estiverem esterilizados.
Os familiares...
tracking img