Tabagismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (267 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]

























































A Lei nº 10.436/02, do Decreto nº 5.626/06 e do Parecer CNE/CEB nº13/2009, ressalta vários pontos positivos para o atendimento Educacional especializado, vale destacar que a LIBRAS – Língua Brasileira de Sinais é reconhecida como um meio legal de comunicação, esse é oprimeiro passo para que aja esse atendimento especializado.
O segundo passo é que existam pessoas capacitadas para esse atendimento. Os interpretes é que torna possível a comunicação entre osindivíduos que não compartilham da mesma língua.
Após termos a Libras como uma linguagem de comunicação reconhecida e termos profissionais qualificados para transmitir informações então vêm opróximo passo onde devemos inserir essas pessoas na rede de ensino regular, que deve ser oferecida pela rede pública de ensino garantindo o atendimento às necessidades educacionais especiais de alunossurdos, desde a educação infantil, nas salas de aula e, também, em salas de recursos, em turno contrário ao da escolarização.
Para que os professores possa fazer com que esse atendimento seja maisqualificado se faz obrigatório a inclusão da Libras como disciplina Curricular nos cursos de formação de professores para o exercício do magistério, em nível médio e superior, e nos cursos deFonoaudiologia, de instituições de ensino, públicas e privadas.





-----------------------
CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE
LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA


Gabriela ContieroLINGUAGEM BRASILEIRA DE SINAIS – LIBRAS

LONDRINA
2012

Londrina
2012






Gabriela ContieroTRABALHO APRESENTADO À UNIVERSIDADE NORTE DO PARANÁ - UNOPAR, COMO REQUISITO PARCIAL PARA AVALIAÇÃO BIMESTRAL DO CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA LICENCIATURA, NA DISCIPLINA DE LINGUAGEM BRASILEIRA...
tracking img