Sustentabilidade do ferro-gusa

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 52 (12915 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de agosto de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Siderurgia
BNDES Setorial 30, p. 237 – 297

Condições para a sustentabilidade da produção de carvão vegetal para fabricação de ferro-gusa no Brasil
Marcos Henrique Figueiredo Vital Marco Aurélio Cabral Pinto*

Resumo
As indústrias que consomem biomassa florestal têm crescido a taxas expressivas nos últimos anos (celulose e papel, siderurgia a carvão vegetal, painéis de madeira para móveis econstruções civis, madeira serrada, toras extraídas e exportadas in natura). Neste trabalho, analisou-se um dos vetores importantes do desmatamento no Brasil: a indústria independente de ferro-gusa à base de carvão vegetal. Esta apresenta-se como elo da indústria siderúrgica nacional que necessita de atenção do Estado brasileiro. O estudo apresenta a estrutura da indústria siderúrgica no Brasil,discute as possíveis rotas tecnológicas para produção de carvão vegetal para a siderurgia e seus impactos sobre a necessidade de área plantada para atender à demanda. Ademais, são explicitados os principais aspectos ambientais relacionados à atividade de produção de ferro-gusa a carvão vegetal. Por fim, após simu*Respectivamente, economista e gerente do Departamento de Estudos e Políticas de MeioAmbiente da área de Meio Ambiente do BNDES. Colaboraram Marcio Macedo da Costa, Pedro Landim, P. S. Moreira da Fonseca, Elízio Damião, Cássia Félix, Luís Vitor, Mauro Almeida e Marcos Alecrim. Figuras cedidas pelo prof. Patrick Rousset (3, 4, 6, 7, 8, 9, 10 e 11) e Bricarbras (5).

238 Condições para a sustentabilidade da produção de carvão vegetal para a fabricação de ferro-gusa no Brasillações, sugerem-se pontos para o debate sobre políticas públicas integradas que permitam que a produção de carvão vegetal para fabricação de ferro-gusa ocorra de modo sustentável.

Introdução
A competitividade do aço brasileiro depende, entre outros fatores, da produção em escala e a baixos custos de ferro-gusa. O ferro-gusa é uma liga de ferro-carbono utilizada como um insumo na produção de aço.Em usinas integradas (via altos-fornos), utiliza-se o coque como combustível e redutor para a sua produção. Outra forma de produção é por intermédio de fornos que utilizam o carvão vegetal como substituto funcional do carvão mineral (coque). A sustentabilidade da produção de carvão vegetal para fabricação de ferro-gusa depende da reposição da madeira utilizada para a fabricação de carvão, oriundatanto de florestas plantadas quanto de florestas nativas (tornando-se, por sua vez, um problema ambiental a ser superado). A possibilidade de se utilizar um insumo sem desembolso imediato (florestas tropicais, cerrados e outras madeiras oriundas de matas nativas) acaba por gerar vantagens competitivas insustentáveis ou ilusórias na cadeia produtiva do ferro-gusa, com base em carvão vegetal. Em paísescom baixa capacidade de regulação e de monitoramento da conformidade das cadeias produtivas e abundância de florestas, como o Brasil, a questão se agrava. A energia solar utilizada pelos vegetais no processo de fotossíntese, que é armazenada neles sob a forma de energia química, pode ser posteriormente queimada sob a forma de lenha ou carvão vegetal, transformando-se em energia térmica. Autilização da madeira como insumo energético tem sido opção aproveitada no Brasil e em outros países que possuem estoques de florestas com potencial de utilização econômica. A estrutura industrial brasileira conjugada ao modelo exportador – fortemente calcado em commodities agrícolas ou produtos intensivos em recursos naturais (por sua abundância relativa) – faz com que, em momentos de aquecimento daeconomia global (e também doméstica) e/ou de apreciações da taxa de câmbio (desvalorizações do real), aumente a venda desses produtos e, por conseguinte, a utilização de suas matérias-primas, incluindo a madeira. Assim sendo, deve-se observar o aumento projetado dos níveis de produção de bens à base de madeira, sob diferentes cenários de crescimento

econômico, para que se evitem danos futuros (e...
tracking img