Suprimentos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1453 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
E Suprimentos chegou ao Seculo XXI


No século passado, mais precisamente na decada de 80 e parte da decada de 90, o Setor de Suprimentos era visto como o Departamento de Compras e por isto trabalhava como tal. Independente e distante dos demais setores das empresas, procurando sempre obter o preço mais barato nem que fosse preciso comprar além do que precisava.
A esta pratica dava-se o nomede compras econômicas, oportunistas, ou ainda pior, de compras estratégicas.
Este comportamento levou muitas das empresas na época, a manterem em seus estoques matérias primas, muito dispendiosas e caras.
Com a Globalização da Economia, nossos estoques, passaram a ficar ainda mais caros, principalmente após a liberalização das importações implantadas pelo Governo Collor. Isto veio e serviu paranos mostrar uma nova realidade.
Algumas empresas, de médio e pequeno porte, tiveram que fechar suas portas pois o preço das matérias-primas locais, era quase o dobro quando comparado com o que se trazia de fora.
Esta tão famosa politica protecionista, que imperava, até esta recente abertura dos Portos, fez com que as empresas não se preocupassem muito com os processos produtivos, e ou, com aevolução da produtividade dos equipamentos, que eram e se tornavam cada vez mais obsoletos e sucateados.
Não havia a troca nem tampouco a preocupação da troca por equipamentos mais modernos e melhores, uma vez que podiamos passar para o preço do produto acabado toda a nossa ineficiência.
Esta pratica protecionista também fez com que os famosos Setores de Compras, ficassem, igualmente, por umbom tempo trabalhando de forma ineficaz, e tendo como única e exclusiva politica o papel de comprar pagando mais barato.
Com a chegada dos R3, famosos ambientes integrados, (SAP, Oracle, Data Sul etc), começamos a experimentar algo novo e que ainda parecia ser um modismo e que todos acreditavam que não fosse “pegar”.
Eram Sistemas muito caros e dificeis de implementar.
Nesta época entãoexperimentamos de tudo, desde os MRPS caseiros (IBMS) até softwares independentes que procuravam nos mostrar nossa ineficiência prometendo muito e deixando sempre muito a desejar.
Com o tempo aquilo que achavamos ser passageiro, pegou.
Eram verdadeiros exércitos de consultores, trabalhando nas empresas, tentando empurrar pacotes, e, por sua vez as empresas comprando softwares sem muito saber qual seriamas vantagens e se ocorreriam os tão anunciados beneficios.
Realmente foi a era de ouro, para as grandes coorporações, que gastavam alguns milhões de dolares, para ter em sua empresa os já tão famosos sonhados e anunciados R3.
As empresas de consultoria e de implementação de softwares se multiplicavam e surgiam as centenas.
Tendo sérios problemas para adaptar, configurar e parametrizar ossoftwares na maioria (estrangeiros), para atender a nossa “facil e descomplicada” Legislação fiscal, pois diferentemente da maioria dos outros paises, temos impostos e taxas, a perder de vista.
Finalmente foram implementados e com sucesso.
Mostravam sua eficiência e muita gente boa perdeu seu emprego sendo substituido pelos famosos R3.
Era a época do tão famoso Down Size.
Após a implementação dosR3 (Ambientes Integrados) começava então uma nova onda e já se ouvia falar da onda do Supply Chain.
Isto ocorreu no final do Século XX, por volta dos anos 1998 e 1999.
Era e é, uma ferramenta poderosa, que se bem utilizada, preve e nos mostra onde podemos aumentar os lucros e ter retorno bastante compensador para quem o implemente.
Veio então a seguir, o que eu chamo de uma revolução noconceito de Compras e que finalmente iria mexer com os famosos senhores feudais.
A Cadeia de Supply Chain (traduzida de forma errada como Cadeia de Logística) se fundamenta basicamente no Planejamento.
Planejamento da Produção, Planejamento de Compras (estoques), Planejamento de Expedição e Entrega no seu cliente, Planejamento da Logistica interna e externa, e Planejamento das mercadorias que...
tracking img