Smb.conf

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (565 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Configurando o samba direto no smb.conf
Vamos configurar o samba diretamente no arquivo smb.conf com os compartilhamentos de arquivos, impressoras e criando uma lixeira de rede.

Para quem usainterface gráfica pode editar o arquivo usando o "gedit" do gnome ou o "kwrite" do kde, se for sem interface pode utilizar o "vim" presente na maioria das distribuições linux. Para editar o arquivotemos que estar como ROOT, usando "sudo su" ou "su" dentro do terminal.

Agora para abrir o arquivo, usando o "vim":

vim /etc/samba/smb.conf

Pressione a tecla "SHIFT+I", para podermos editar oarquivo, aí basta apagar todo o conteudo dele e colocar conforme abaixo:

#############Início do smb.conf###############

###Global###
[global]

###servidor###
#nome do grupo de trabalhoworkgroup = casa
#nome da máquina na rede
netbios name = TI
#nome alternativo da máquina na rede
netbios aliases = LXARQUIVO
#descrição do servidor , %v = versão do samba
server string= Servidor de Arquivos Linux versão %v
#ordem de resolução de nomes
name resolve order = lmhosts host wins bcast

##outros##
#melhorar a performance da rede
socket options = TCP_NODELAYSO_RCVBUF=8192 SO_SNDBUF=8192
#carregar as impressoras do sistema
load printers = yes
printing = cups
printcap name = cups
#impedir a gravação desses tipos de arquivos no servidorveto files = /*.aif/*.avi/*.cpl/*.mid/*.mov/*.mpa/*.mpe/*.mp3/*.mpeg/*.mpg/*.scr/*.vbe/*.vbs/*.wav/*.wma/*.wmv/*.pif/*.bat/*.ogg/*.vob/
#Onde serão gravados os logs de erro do samba, caso ocorrapanic action = /usr/share/samba/panic-action %d

###arquivo de log###
#arquivos de log
log file = /var/log/samba/log.%m
#máximo tamanho de log
max log size = 1000
#nível dedetalhes do log
syslog = 0

###user###
usershare allow gusts = yes
map to guest = bad user
#local da lista de usuarios do samba
username map = /etc/samba/smbusers
#nivel de...
tracking img