Sistema reprodutor feminino

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 23 (5727 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
1 SISTEMA REPRODUTOR FEMININO E GENITAL


Uma série de características físicas diferencia o corpo da mulher e do homem. As mais marcantes dizem respeito ao sistema reprodutor, mas existem outras de ordem mais geral. Por exemplo, a textura da pele, que na mulher é mais macia; a quantidade de pêlos (bem menor na mulher); a distribuição de gordura pelo corpo, que faz com que a mulher tenhaquadris mais largos, ventre mais saliente e coxas mais roliças. Todas essas características são determinadas pela ação dos hormônios femininos (estrógeno e progesterona).
O sistema reprodutor feminino constitui-se de órgãos externos (vagina, grandes lábios, pequenos lábios, clitóris, uretra) e por órgãos internos (ovários, óvulos, tubas uterinas, útero, vagina) (Figura 01). Os órgãosexternos protegem os órgãos genitais internos contra microrganismos e permitem a entrada do esperma.


[pic]
Figura 01 – Órgãos externos e internos do sistema reprodutor feminino

1.1 ÓRGÃOS EXTERNOS

1.1.1 VULVA OU GENITÁLIA


Os órgãos genitais externos femininos são conhecidos como vulva. Sob a influência de estrógenos, há uma tendência na mulher de se depositar tecido adiposo àfrente da sínfise púbica.
Os grandes lábios são duas dobras arredondadas estendem-se para trás do monte do púbis. A superfície interna é lisa e úmida em decorrência da presença de numerosas glândulas sebáceas.
Os lábios menores são duas dobras menores localizadas medialmente aos lábios maiores. Anteriormente, rodeiam o clitóris. Os lábios menores são altamente vascularizados. Elescircundam um espaço, o vestíbulo, onde se abrem a vagina e a uretra. Diversas glândulas abrem-se no vestíbulo deixando suas paredes úmidas, facilitando o intercurso sexual.
O clitóris é uma pequena estrutura alongada localizada na junção anterior dos lábios menores. É homólogo à porção dorsal do pênis e, como este, é formado de tecido erétil. O clitóris é muito sensível ao toque, torna-seingurgitado de sangue e rígido quando estimulado, contribuindo para o estímulo sexual da mulher.


1.2 ÓRGÃOS INTERNOS


1.2.1 Ovários


Os ovários são duas glândulas em forma de amêndoa, situadas em cada lado do útero, logo abaixo das trompas. Esses órgãos têm duas funções inter-relacionadas: a) sob a ação do sistema nervoso central, os ovários produzem os hormônios femininos estrógeno eprogesterona e b) a produção dos óvulos (gametas), que na fase fértil, são expulsos uma vez por mês.
Durante a fase de climatério (menopausa) o tamanho do ovário diminui até um quarto do tamanho em período reprodutivo devido a diminuição da produção dos hormônios sexuais.


1.2.1.1 Ovogênese


A ovogênese é um processo através do qual podemos perceber uma seqüência de eventosocorridos para formar ovócitos maduros a partir de ovogônias. Este processo começa antes mesmo do nascimento, sofre uma interrupção ao nascer e retomado na puberdade, estendendo-se até a fase do climatério, onde cessa permanentemente a menstruação.
A ovogênese pode ser didaticamente dividida em duas etapas:
I. Maturação pré-natal dos ovócitos
Na espécie humana a ovogêneseinicia-se ainda na fase intra-uterina, as ovogônias (2n) proliferam-se por divisão mitótica, crescendo para formar os ovócitos primários (2n)antes do nascimento. Portanto, a menina já nasce com uma quantidade definida de folículos ovarianos.
Acredita-se que a mulher nasce com cerca de 500.000 ovócitos primários que permanecem no seu estado de desenvolvimento suspenso até ser atingida apuberdade. Durante este período a maioria deles morre gradualmente. Na puberdade, pode existir um máximo de 30.000 ovócitos primários remanescentes, capazes de prosseguirem o seu desenvolvimento. Cerca dos trinta anos de idade, este número diminuiu ainda mais para cerca de 10.000, e quando a mulher atinge a menopausa, todos os ovócitos primários desapareceram
II. Maturação pós-natal dos ovócitos...
tracking img