Sintaxe

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 16 (3954 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
TERMOS ESSE CIAIS DA ORAÇÃO
Sintaxe
A Sintaxe é uma parte da gramática que estuda o uso das palavras
em frases e discursos e a semelhança das frases entre si, por isso, ela
passa a ser um elemento primordial para as diversas combinações de
palavras e orações.
Os Termos Essenciais da Oração são aqueles que compõem a
estrutura básica da oração, ou seja, são termos necessários para que
umaoração tenha sentido. Esses termos são conhecidos como:
sujeito e predicado.

Sujeito
Sintaticamente falando, Sujeito é o termo da oração que está em relação de
concordância com o verbo, e semanticamente, é o ser ou aquilo a que se aplica a
ideia contida no predicado.
Quando
Quando o verbo transmite uma ação, chamamos de Sujeito o ser que pratica ou
recebe essa ação.
O sujeito pode serreconhecido perguntando Quem...?, antes do verbo da
oração.
Quem + verbo?-Resposta=sujeito.

O Sujeito e suas classificações:
úcleo
A palavra mais significativa de um termo é conhecida como Núcleo. O
palavra
núcleo do sujeito equivale a um nome (substantivo) ou pronome.

Existem quatro tipos de sujeito: simples, composto,
indeterminado e oculto.

Determinado
Quando encontramos comfacilidade o Sujeito, em uma oração, podemos considerá-lo como
Determinado, subdividindo-se em: Simples e Composto.

Simples
O sujeito é Simples quando a oração é formada com apenas um núcleo.
Exemplo:
a. A árvore caiu no telhado. (O núcleo é árvore).
b. O menino quebrou a janela. (O núcleo é menino).

Composto
O sujeito é Composto quando a oração é formada por dois ou mais núcleos.Exemplo:
a. A árvore e o poste caíram no telhado. (Os núcleos são as palavras árvore e poste).
b. O Windows e o Linux disputam o mercado de informática. (Os núcleos são as palavras Windows e
Linux).

Indeterminado
O sujeito é Indeterminado quando não se pode definir o sujeito da oração, por
desconhecê-lo ou por não querer revelá-lo.
Podemos considerar Indeterminado quando:
a. O verbo estána terceira pessoa do plural.
Exemplo:
Exemplo:
Disseram maravilhas sobre seu desempenho.
a. O verbo está na terceira pessoa do singular acompanhado do pronome SE.
Exemplo:
Trabalha-se demais no mundo inteiro.
a. Quando a oração apresentar o verbo no Infinitivo Impessoal.
Exemplo:
É triste assistir a estas cenas.

Oculto, implícito, desinência ou elíptico
Considera-se Oculto,Implícito, Desinência ou Elíptico, quando o sujeito não
aparece na oração, porém pode ser identificado pelas desinências do verbo.
Exemplo:
a. Saímos ontem à noite.
Pergunta-se, portanto: Quem saiu? Nós – sujeito desinencial nós.
a. Pintei algumas camisas.
Pergunta-se: Quem pintou? Eu – sujeito desinencial eu.
Observação:
Em alguns enunciados gramaticais podem aparecer Sujeito e Predicado, que,exatamente por isso, são chamados de termos essenciais. Porém, há casos que
aparecem enunciados sem sujeito, chamados de oração sem sujeito ou sujeito
inexistente.

Orações sem sujeito
Orações formadas somente por predicados são conhecidas como Orações sem sujeito, porque a
informação apresentada não se refere a nenhum sujeito.
As principais orações são formadas por:
a. Verbos que exprimemfenômenos da natureza: chover, trovejar, nevar, anoitecer, amanhecer, etc.
Exemplo: Choveu muito pela manhã.
evou bastante durante o inverno.
b.

Verbo haver no sentido de existir ou indicação de tempo passado.
Exemplo: Houve sérios problemas na rede da empresa.
Há vários anos não viajamos juntos.

c.

Verbo fazer, ser e estar indicando tempo passado ou tempo que indique fenômeno danatureza.
Exemplo: Faz duas semanas que não viajamos.
Está muito quente hoje.
Era noite quando ele chegou.

Observações:
1. O verbo SER, impessoal, concorda com o predicativo, podendo aparecer na
3ª pessoa do plural.
Exemplo: São oito horas da manhã.
É uma hora da tarde.
2. Os verbos que indicam fenômenos da natureza, quando usados em sentido
conotativo (figurado) deixam de ser...
tracking img