Sigmund freud

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1864 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Sigmund Freud

Novembro, 2012/13

Escola Secundária da Trofa
Psicologia

Sigmund Freud

11º 13


Índice

Índice 3
A estrutura da mente 6
Relação entre as estruturas 7
Desenvolvimento afetivo e psicossexual 8
Estádios do desenvolvimento psicossocial 9
2.Fases de desenvolvimento 9
2.1. Fase oral (da nascença aos 12/18 meses) 9
3. Fase anal (dos 12/18 meses aos 3anos) 9
4. Fase fálica (dos 3 aos 5/6 anos) 10
5. Período de latência (dos 6 anos á puberdade) 11
6. Fase genital (a partir da puberdade) 11






Introdução

No âmbito da disciplina de Psicologia, vamos apresentar um trabalho sobre Freud onde consta os seguintes temas: uma pequena introdução á vida e obra de Freud, a estrutura da mente, a relação entre asestruturas, o desenvolvimento afetivo e psicossexual, e os estádios do desenvolvimento psicossocial (sexualidade e libido, fases de desenvolvimento, fase oral, fase anal, o valor simbólico dos produtos anais, período de latência e fase genital).
Para realizar este trabalho vamos usar a internet e depois da realização deste trabalho esperamos ter uma boa nota.





Vida e obra deFreud

Sigmund Schlomo Freud, popular por Freud, filho de Jacob Freud e de Amalie Nathanson.
Freud, pelos seus 4 anos de idade mudou-se para Viena por intuitos financeiros e de saúde. Lá habitou até aos seus 18 anos (1938) até que, com a chegada do Nazismo se refugiou em Inglaterra.
Era um otimo aluno e, sendo este judeu só poderia optar por dois cursos, o de direito e o de medicina, no qualescolheu a segunda opção.
Os iniciais anos de Freud não são demasiado patentes pois, este destruíra os registados pessoais de 1885 e 1894.
Para além deste, outros posteriores estão seguramente arquivados nos cartórios de Sigmund Freud, aos quais exclusivamente Ernest Jones e certos membros do círculo da psicanálise têm acessão.
Casou-se em Hamburgo a 14 de Setembro 1886 com  Martha Bernays com aqual teve seis filhos. A Mathilde, nascida em 1887, Jean-Martin em 1889, Oliver em 1891, Ernest em 1892, Sophie em 1893 e Anna em 1895.
Freud teve sempre uma vida financeira modesta.
Criou o termo “psicanálise” para nomear o método de averiguação dos processos inconscientes e inacessíveis do psiquismo.
Freud perdeu os seus quatro irmãos no tempo do Nazismo.
Sigmund Freud, formou-seem medicina e especializou-se em Neurologia, tendo logo a seguir criado a Psicanálise.  Nasceu numa família judaica, em Freiberg, na época pertencente ao Império Austríaco. Freud, a partir do tratamento de pacientes com histeria a partir da utilização da técnica da hipnose para aceder aos processos mentais, iniciou os seus estudos. A partir da observação da melhoria dos pacientes, este elaborou uma outrahipótese, esta de que a causa da doença era psicológica, não orgânica. Tal hipótese serviu de base de outros conceitos como o do inconsciente.
Freud acreditava que o desejo sexual era a energia motivacional primária da vida humana.
Este abandonou o estudo de doentes com histeria e passou a interpretar sonhos e a livre associação, como vias de acesso ao inconsciente.
As teorias e os tratamentos para osdoentes de histeria foram questionados em Viena no século XIX e atualmente continuam a ser muito debatidas.
As suas ideias são discutidas e analisadas em obras de literatura e cultura em conjunto com o debate sobre elas no uso como tratamento científico e médico.

A estrutura da mente

A partir de 1920, Freud apresenta a segunda teoria sobre a estruturação do psiquismo, que é constituído portrês instâncias: Id, ego e superego.
ID  – zona inconsciente, primitiva, instintiva, a partir da qual se formam o ego e o superego. Existe desde o nascimento e é constituído por pulsões, instintos e desejos completamente desconhecidos. Rege-se pelo princípio do prazer, tem como objectivo a realização e a satisfação imediata dos desejos e pulsões. Grande parte destes desejos é de natureza...
tracking img