Sexo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 47 (11564 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de junho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO
CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS
FACULDADE DE DIREITO
COORDENAÇÃO DE MONOGRAFIAS

MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE MONOGRAFIAS


SUMÁRIO
1 APRESENTAÇÃO 4
2 ABNT: CONSIDERAÇÕES INICIAIS 5
3 APRESENTAÇÃO DO TRABALHO CIENTÍFICO: NBR 14724:2005 6
3.1 Formato 6
3.2 Margens e recuos 7
3.3 Espacejamento.. 7
3.4 Notas de rodapé 8
3.5 Indicativos de seção 83.5.1 Numeração Progressiva (seções de um trabalho) 8
3.5.2 Numeração Progressiva (alíneas) 9
3.5.3 Títulos sem indicativo numérico 10
3.5.4 Elementos sem título e sem indicativo numérico 10
3.6 Paginação 10
3.7 Encadernação 11
3.8 Siglas 11
4 ESTRUTURA DO TRABALHO CIENTÍFICO: NBR 14724:2005 12
4.1 Elementos pré-textuais 12
4.1.1 Capa 13
4.1.2 Lombada 13
4.1.3 Folha de rosto 14
4.1.4Verso da folha de rosto 14
4.1.5 Errata 15
4.1.6 Folha de aprovação 16
4.1.7 Dedicatória 17
4.1.8 Agradecimentos 18
4.1.9 Epígrafe 18
4.1.10 Resumo na língua vernácula 18
4.1.11 Resumo em língua estrangeira 19
4.1.12 Lista de ilustrações 19
4.1.13 Lista de tabelas 20
4.1.14 Lista de abreviaturas e siglas 20
4.1.15 Lista de símbolos 20
4.1.16 Sumário 20
4.2 Elementos textuais 21
4.2.1Introdução 21
4.2.2 Desenvolvimento 21
4.2.3 Conclusão 21
4.3 Elementos pós-textuais 22
4.3.1 Referências 22
4.3.2 Glossário 22
4.3.3 Apêndice(s) 22
4.3.4 Anexo(s) 23
4.3.5 Índice(s) 23
5 REGRAS PARA APRESENTAÇÃO DE CITAÇÕES: NBR 10520:2002 24
5.1 Transcrições 24
5.2 Paráfrases 25
5.3 Regras gerais para as citações 26
5.3.1 Sistema alfabético de citação (autor-data) 26
5.3.2Sistema numérico de citação 28
6 REGRAS PARA ELABORAÇÃO DE REFERÊNCIAS: NBR6023:2002 31
ANEXO A: MODELO DE PÁGINAS PRÉ-TEXTUAIS 41
ANEXO B: MODELO DE PÁGINAS PÓS-TEXTUAIS 51


1 APRESENTAÇÃO

A apresentação de trabalhos científicos, entre eles a monografia, requer uma padronização para que tenham qualidade no seu aspecto normativo, facilitando a sua identificação e compreensão, sobretudosob uma ótica multidisciplinar.
Este Manual para Elaboração de Monografias tem por objetivo orientar os alunos de graduação no estabelecimento de regras de forma para a elaboração de todas as publicações referentes à produção científica do corpo discente da Faculdade de Direito da UERJ.
Vale dizer que o referido manual não elimina a necessidade de consulta às normas da ABNT indicadas nodecorrer do texto, uma vez que as mesmas não foram aqui esgotadas.


2 ABNT: CONSIDERAÇÕES INICIAIS

A Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), fundada em 1940 para fornecer a base necessária ao desenvolvimento tecnológico brasileiro, é o Fórum Nacional de Normalização. As Normas Brasileiras, cujo conteúdo é de responsabilidade dos Comitês Brasileiros (ABNT/CB) e dos Organismos deNormalização Setorial (ONS), são elaboradas por Comissões de Estudo (ABNT/CE), formadas por representantes dos setores envolvidos, delas fazendo parte: produtores, consumidores e neutros (universidades, laboratórios e outros).
A ABNT é uma entidade privada, sem fins lucrativos, e tem como objetivos elaborar e fomentar o uso de normas técnicas, conceder certificados de qualidade e representar o Brasil ementidades internacionais de normalização técnica, como ISO e IEC.
As normas elaboradas pela ABNT podem ser adquiridas na Av. Treze de Maio, 13, 28o andar – CEP 20003-900 – Caixa Postal 1680 – Rio de Janeiro – RJ. Tel.: PABX (21) 3974-2300; Fax: (21) 2240-8249/2220-6436, ou através da página da entidade na Internet (http://www.abnt.org.br) com a comodidade da entrega via SEDEX ou por correioeletrônico.
Este texto, assim, não substitui a consulta direta das normas da ABNT, particularmente das seguintes:
NBR 6023:2002 - Informação e documentação - Referências - Elaboração
NBR 6024:1989 - Numeração progressiva das seções de um documento - Procedimento
NBR 6027:1989 - Sumário - Procedimento
NBR 6028:1990 - Resumo - Procedimento
NBR 6029:1990 - Informação e documentação: livros e...
tracking img