Sem titlo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1190 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
O transito estava caótico. O barulho de buzinas ecoavam em meus ouvidos, uma sobressaindo a outra, em uma louca competição de quem fazia mais barulho. [i] Buzinar não vai fazer o transito melhorar..[/i] pensei com acidez, suspirando audivelmente. Liguei o rádio para me distrair, já que com o calor fora de época do fim de outubro eu não podia fechar o vidro do carro.
As luzinhas do rádio seacenderam indicando que estava ligado, e automaticamente o CD da Adele começa a tocar. Em uma reação involuntária eu me encolho e enrijeço. A música “I Fond a boy” foi praticamente um hino em meus dias ruins, porém fazia semanas desde que eu estivesse feliz o suficiente para ouvir música e provavelmente eu nunca retirei essas musicas da playlist. Pensei em pular a música, mas o ritmo lento e levementedepressivo espelhava tão bem meu senso de humor que resolvi deixa-la.
Como se eu precisasse de algum incentivo, a musica parece pedir desesperadamente para que eu vá para casa, coloque o meu pijama e chinelos e me enterre em algum pote de sorvete, coisa que eu costumava fazer com frequência assim que .. bem.. [i]ele[/i] me deixou. Eu havia prometido que nunca mais pensaria naquele bastardo, masdia após dia eu falhava miseravelmente. As vezes por saudades, as vezes por ódio, mas a verdade é que virar a pagina era bem mais difícil que eu pensava.
Suspirei e tamborilei os dedos no volante, olhando distraidamente para um carro preto e luxuoso a minha frente, um desses sedans brilhantes que a gente vê em comercial, que assim como eu, estava encalhado nesse transito de fim de tarde.Distraída com a música e olhando inerte para o carro que eu estava começando a achar que era um Audi, nem percebi a moto passar ao meu lado em uma velocidade alucinante, quase levando meu retrovisor. Meu coração salta pela boca, quando eu abafo um grito levando as mãos a boca. – Santo Deus! – Solto quase sem ar, tentando me acalmar, e engulo em seco.
Meus olhos cruzam rapidamente o retrovisor de dentrodo carro, e então eu vejo meu reflexo me encarando com olhos assustados, a pele normalmente branca quase translucida parecia estar com os poros dilatados deixando minha bochecha num tom rosa boneca. Passei os dedos nos poros ao lado do nariz, como se o movimento fosse capaz de fechá-los e devolver a cor natural ao meu rosto, como nada aconteceu, eu suspiro exasperada. Tudo bem que fazia temposque eu não me cuidava, afinal fossa e vaidade são coisas que normalmente não combinam... Mas minha pele tinha que escolher justo hoje para dilatar?
Estremeci só de pensar no que hoje significava. Ian Miller, irmão da minha melhor amiga de faculdade, estava de passagem por Londres. Na faculdade, Ian era extremamente extrovertido e simpático, e apesar de sempre ter me tratado bem, nunca fomospróximos. Sua irmã, Ashley e eu, dividíamos o quarto e raramente saiamos, e o programa sempre era alguma coisa haver com filmes antigos e pizza, o que dificilmente atraia o popular Ian para nosso quarto. Mas no ultimo ano, passamos a conversar bastante, e eu podia dizer de coração que gostava do irmão da Ashley. Acho que podíamos ter tido algo, se Luke não tivesse aparecido na minha vida... O jeito queele sorria era de balançar o coração de qualquer garota, e ele sabia muito bem como fazer qualquer uma se sentir confortável...
No entanto, três anos haviam se passado, e ele provavelmente não era mais o paquerador que era.. Ashley havia me contado em um de seus e-mails que Ian estava bem mais maduro, focado no trabalho e não andava espalhando seu charme tão frequentemente como antes. E eu, bom...Eu sou bem diferente daquela garota que se formou. Trabalho, tenho minha própria casa, meu carro, e até sustento um gato! O que me qualifica para resistir aos encantos de Ian com bem mais êxito do que a minha versão adolescente teria... Pelo menos, era isso no que eu gostaria de acreditar.
Enguli em seco com o pensamento, e então notei que o trafego havia melhorado, e então acelerei m pouco,...
tracking img