Seguencia de robin

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 29 (7044 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
0021-7557/05/81-01/14

Jornal de Pediatria
Copyright © 2005 by Sociedade Brasileira de Pediatria

ARTIGO

DE

REVISÃO

Seqüência de Robin – protocolo único de tratamento
Robin sequence: a single treatment protocol
Ilza L. Marques1, Telma V. de Sousa2, Arakem F. Carneiro3,
Suely P. de B. A. Peres4, Marco A. Barbieri5, Heloisa Bettiol6

Resumo

Abstract

Objetivo: Apresentarprotocolo único que possa atender tanto às
dificuldades respiratórias como às dificuldades alimentares dos neonatos e lactentes com seqüência de Robin.

Objective: To present a single protocol that might cover both the
respiratory and feeding difficulties of neonates and infants with Robin
sequence.

Fonte de dados: O artigo foi desenvolvido tomando como base as
publicações mais recentesdisponíveis em bancos de dados bibliográficos e livros que discutem o tratamento da seqüência de Robin, em
especial os estudos realizados no Hospital de Reabilitação de Anomalias
Craniofaciais da Universidade de São Paulo (HRAC/USP).

Sources of data: The article was prepared on the basis of the most
recent publications available in bibliographic databases and in books
that discuss the treatmentof Robin sequence, especially the studies
conducted at the Hospital for Rehabilitation of Craniofacial Anomalies of
Universidade de São Paulo (HRAC/USP).

Síntese de dados: O artigo apresenta os aspectos morfológicos e
genéticos da seqüência de Robin e conceitos sobre nasofaringoscopia
e suas implicações clínicas, discute o tratamento das dificuldades
respiratórias e alimentares eapresenta um protocolo único para
atender a todos os casos de seqüência de Robin, independentemente
de sua gravidade e complexidade.

Summary of the findings: We present the morphological and
genetic aspects of Robin sequence and concepts about
nasopharyngoscopy and its clinical implications; we discuss the treatment
of respiratory and feeding difficulties, and we present a single protocol
for thetreatment of all Robin sequence cases regardless of their severity
and complexity.

Conclusões: A seqüência de Robin não é somente uma patologia
obstrutiva anatômica para ser resolvida com procedimentos cirúrgicos,
mas os conhecimentos sobre crescimento e desenvolvimento devem
ser aplicados por uma equipe multidisciplinar, porque possibilitam a
rápida recuperação da permeabilidade das viasaéreas e da capacidade
de alimentação oral, evitando-se, muitas vezes, os procedimentos
cirúrgicos e seus riscos, principalmente quando realizados em neonatos
e lactentes pequenos.

Conclusions: Robin sequence is not only an anatomic obstructive
disorder to be treated with surgical procedures, but knowledge about
children’s growth and development must be applied by a multidisciplinaryteam, since this permits the maintenance of airway permeability and of
the ability to feed orally, often without the need of surgical procedures
and their risks, especially when applied to neonates and small infants.

J Pediatr (Rio J). 2005;81(1):14-22: Síndrome de Pierre Robin,
crescimento, fissura palatina, obstrução das vias respiratórias.

J Pediatr (Rio J). 2005;81(1):14-22: Pierre Robinsyndrome, cleft
palate, airway obstruction, micrognathia.

Introdução
1. Doutora em Pediatria. Pediatra, Hospital de Reabilitação de Anomalias
Craniofaciais, Universidade de São Paulo (HRAC/USP), São Paulo, SP.
2. Cirurgiã plástica, HRAC/USP, São Paulo, SP.
3. Otorrinolaringologista, HRAC/USP, São Paulo, SP.
4. Doutora em Pediatria. Nutricionista, HRAC/USP, São Paulo, SP.
5. Professortitular, Departamento de Puericultura e Pediatria, Faculdade
de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo (USP),
Ribeirão Preto, SP.
6. Doutora. Professora assistente, Departamento de Puericultura e Pediatria, Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, USP, Ribeirão Preto, SP.

A seqüência de Robin (SR) é descrita na literatura
como uma tríade de anomalias caracterizada por...
tracking img