Ruido

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2394 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Principais Mudanças Na Ortografia
1-Alfabeto
entram k, w e y

2 - O trema desaparece:
frequente, tranquilo, lingueta, linguiça

3 - Sai o circunflexo do ditongo ôo:
voo, abençoo, perdoo

4 - Circunflexo do hiato êem desaparece:
veem, creem, deem, releem

5 - Agudo do u tônico dos verbos some:
apaziguar (apazigue), averiguar (averigue), arguir (arguem)

6 - O i e uantecedidos de ditongo perdem o grampo:
feiura, baiuca

7 - Ditongos abertos éi, ói viram ei, oi:
ideia, joia (o acento permanece nas palavras oxítonas e monossílabos: papéis, herói, dói)

8 - Os acentos diferenciais somem:
pelo, para, polo, pera (mantém-se o circunflexo de pôde e do verbo pôr)

Exigem hífen sempre:
Os prefixos seguidos de h: anti-higiênico, super-homem, micro-história,extra-humano, co-herdeiro, proto-história, sobre-humano, ultra-heróico

Exceção: subumano
Além, aquém, ex, pós, pré, pró, recém, sem, vice: Além-mar, aquém-muros, ex-presidente, pós-graduação, pré-primário, pró-reitor, recém-chegado, sem-terra, vice-presidente

Prefixos terminados em vogal seguidos por palavra começada pela mesma vogal: anti-inflamatório, auto-observação, contra-ataque,micro-ondas, semi-internato

Exceção: co- se junta ao segundo elemento mesmo quando ele começa com o:coordenar, coobrigação

Prefixos terminados por consoante seguidos de palavra começada pela mesma consoante: hiper-rico, inter-racial, sub-bloco, super-resistente, super-romântico

Sub usa mais um hífen - com a palavra iniciada por r: sub-região, sub-raça

Os sufixos de origemtupi-guarani açu, guaçu, e mirim: amoré-guaçu, anajá-mirim, capim-açu

Rejeitam o hífen
Prefixos terminados em vogal diferente da vogal que se inicia o segundo elemento: aeroespacial, agroindústria, antieducação, autoescola, coedição, coautor, infraestrutura, plurianual, semiopaco

Nos prefixos terminados em vogal que se juntam a palavras começadas por r ou s, duplicam-se o r e o s para manter apronúncia: antirrábico, antirrugas, antissocial, biorritmo, contrassenso, infrassom, microssistema, minissaia, neossocialismo, semirrobusto, ultrarrigoroso, ultrassom.

Conheça regras de acentuação do novo acordo ortográfico
da Folha Online
O Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa, que entra em vigor em 2009, vai alterar a acentuação de algumas palavras, extinguir o uso do trema e sistematizar autilização do hífen, entre outras mudanças significativas. No Brasil, palavras como "heróico", "idéia" e "feiúra", por exemplo, deixarão de ser acentuadas.
Da acentuação gráfica das palavras oxítonas
1º-) Acentuam-se com acento agudo:
As palavras oxítonas terminadas nas vogais tónicas/tônicas abertas grafas -a, -e ou -o, seguidas ou não de -s: está, estás, olá; até, olé, pontapé(s), avó(s),dominó(s), paletó(s), só(s).
Obs.: Em algumas (poucas) palavras oxítonas terminadas em -e tónico/tônico, geralmente provenientes do francês, esta vogal, por ser articulada nas pronúncias cultas ora como aberta ora como fechada, admite tanto o acento agudo como o acento circunflexo: bebé ou bebê, bidé ou bidê, canapé ou canapê, caraté ou caratê, croché ou crochê, guiché ou guichê, matiné oumatinê, nené ou nenê, ponjé ou ponjê, puré ou purê, rapé ou rapê.
O mesmo se verifica com formas como cocó e cocô, ró (letra do alfabeto grego) e rô. São igualmente admitidas formas como judô, a par de judo, e metrô, a par de metro.
b) As formas verbais oxítonas, quando, conjugadas com os pronomes clíticos lo(s) ou la(s), ficam a terminar na vogal tónica/tônica aberta grafada -a, após aassimilação e perda das consoantes finais grafadas -r, -s ou -z: adorá-lo(s) (de adorar-lo(s)), á-la(s) (de ar-la(s) ou dá(s)-la(s)), fá-lo(s) (de faz-lo(s)), fá-lo(s)-ás (de far-lo(s)-ás), habitá-la(s) iam (de habitar-la(s)- iam), trá-la(s)-á (de trar-la(s)-á);
c) As palavras oxítonas com mais de uma sílaba terminadas no ditongo nasal grafado em (exceto as formas da 3ª- pessoa do plural do presente do...
tracking img