Rtwqerqw

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2821 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
ewfwefwqw
CENTRO UNIVERSITARIO UNIEURO

DISCIPLINA: LINGUA PORTUGUESA I
PROFESSORA: NAJLA FOUAD SAGHIE










TRABALHO DE PORTUGUÊS
VARIEDADES DA LÍNGUA PORTUGUESA NO BRASIL





Alunas :
Aline Suares
Aline
Daniela
Denise
Marianne
Marinalva
1° Semestre de Letras







Brasília
Novembro de 2010












SUMÁRIO:

ReferênciasBibliográfica....................................................3
Introdução...........................................................................4
O linguajar Norte da Região................................................5
O dialeto do Norte................................................................6
Gaúcho, o Dialeto Crioulo Rio-Grandense....................................8
Dialeto Centro –Oeste........................................................11

















































































REFERÊNCIAS BIBLIOGRAFIAS




DUARTE, Marcelo. Guia dos Curiosos Língua Portuguesa. São Paulo: Editora Panda, 2003.
LOPES,Neto. Contos Gauchescos. Porto Alegre: L&PM,1998.
LOPES, Neto. Lendas do Sul. Porto Alegre: L&PM, 1998.
LIVREIRO, Martins. Vocabulário Pampeano- Pátria, fogões e legendas, 1987.
CAETANO, Jayme. Vocabulário Pampeano - Pátria, Fogões e Legendas. Dicionário de regionalismos, Martins Livreiro Editor, 1987
UNIVERSIA. Disponível em :


Acesso em : 07 nov. 2010


EDUCAÇÃO, uol. Disponível em :


VARIAÇÃO, lingüística. Disponível em :Acesso em : 06 nov. 2010

< http://www.nataltrip.com/termos_regionais/A;>


Acesso em : 08 nov. 2010














De onde veio a Língua Portuguesa?


O português é uma língua latina, de origem românica, desenvolvida a partir do século III a.C. na província de Lusitânia, que hoje corresponde a uma parte dos atuais territórios de Portugal e Espanha. Ao longo deformação e vida dessa língua, o contato com os outros povos gerou uma serie de influências, cuja manifestação pode se facilmente vista no vocabulário. Foram viagens às Américas, convívio intenso com africanos, interação com antigos povos e invasores da Península Ibérica, passagem pela Índia, China e Japão, sem contar inúmeros imigrantes recebidos pelos países de língua portuguesa – com destaque parao Brasil- nos últimos 200 anos.


Quantas línguas ainda existem no Brasil?


Incluindo o português, o idioma oficial do país, existem 192 línguas vivas em território brasileiro. O levantamento foi feito pelo Summer Institute of Linguistics, uma ONG como sede nos Estados Unidos. As 192 línguas que restaram:
• 42 são consideradas praticamente extintas, como aricapu (regiãodo rio Guaporé, em Rondônia), o oro win (fronteira Brasil/Bolívia) e o juma (interior da Amazônia);
• 91 correm alto risco de extinção, por serem línguas faladas por comunidades indígenas formadas por, no máximo, 100 indivíduos, número insuficiente oara garantir sua preservação. Casos de anambé e creie (interior do Pará), aruá, caripuná, monde (Rondônia) e carahawiana e tora (norte doAmazonas).


Entre as línguas brasileiras que não correm risco de extinção imediata estão:


Creole : 25 mil pessoas, Amapá
Cangangue: 18 mil pessoas, sete estados (incluindo São Paulo e Paraná)
Caiwá: 15 mil pessoas, Mato Grosso do sul
Terena: 15 mil pessoas, interior do Mato Grosso do Sul
Ticuna: 12 mil pessoas, norte da Amazonas
Guarani: 5 milpessoas, centro-oeste Paranaense


Sotaque


Ao longo dos cinco séculos que se seguiram á descoberta do Brasil, povos nativos e imigrantes, assim como geografia, costumes, atividades culturais, políticas e sociais, foram aos poucos moldando sotaques- pronúncia característica de um país ou região etc. – e termos que não apenas diferencia o português brasileiro do de Portugal, mas...
tracking img