rochas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (644 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de fevereiro de 2015
Ler documento completo
Amostra do texto
1. Carlos da Maia
Protagonista masculino do romance Os Maias, filho de Pedro da Maia e de Maria Monforte, cresce na companhia do avô, que lhe proporciona uma educação inglesa. Estuda Medicina emCoimbra, onde conhece Ega, e viaja demoradamente pela Europa. Regressado a Lisboa, destaca-se pela sua superioridade: "Alto, bem feito, de ombros largos, com uma testa de mármore sob os anéis doscabelos pretos, e os olhos dos Maias, aqueles irresistíveis olhos do pai, de um negro líquido, ternos como os dele, e mais graves. Trazia a barba toda, castanha-escura, rente na face, aguçada no queixo - oque lhe dava, com o bonito bigode arqueado aos cantos da boca, uma fisionomia de belo cavaleiro da Renascença". Rapidamente impressiona a sociedade lisboeta, fascinando a condessa de Gouvarinho, comquem tem uma aventura, e granjeando a admiração bacoca de Dâmaso. Cheio de projetos profissionais - instalar um laboratório, exercer a sua atividade de médico, fundar uma revista -, Carlos acaba porcair no diletantismo e na inatividade. Envolve-se com Maria Eduarda, ignorando que é seu irmão. O desfecho trágico deste amor, sublinhado pela morte do avô, marcará definitivamente o seu percursodesistente. Acabará em Paris, assumindo a sua posição diletante de homem rico "que falhou na vida".

2. Afonso da Maia
Personagem da obra Os Maias, de Eça de Queiros, o avô de Carlos da Maia, é descritocomo "um pouco baixo, maciço, de ombros quadrados e fortes", lembrando, "com a sua face larga de nariz aquilino, a pele corada, quase vermelha, o cabelo branco (...) e a barba de neve (...), um varãoesforçado das idades heroicas, um D. Duarte de Meneses ou um Afonso de Albuquerque". Afonso da Maia, que na juventude vivera exilado em Inglaterra devido às ideias liberais, personifica de algum modoa integridade moral e a retidão de princípios tornadas raras no país, que o levam a condenar o diletantismo do neto e as suas aventuras sentimentais. Depois de ter assistido, impotente, à desgraça...
tracking img