Risco de credito

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 74 (18385 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de março de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Instituto Superior de Contabilidade e

Administração de Aveiro

Licenciatura Bi-etápica em Contabilidade e Administração
Ramo Auditoria

RISCO DE CRÉDITO

Elaborado por:

Raquel Pereira da Costa Dias

Aveiro, 16 de Janeiro 2004

Instituto Superior de Contabilidade e

Administração de AveiroLicenciatura Bi-etápica em Contabilidade e Administração
Ramo Auditoria

RISCO DE CRÉDITO

Elaborado por:

Raquel Pereira da Costa Dias

Correio Electrónico: rcdias@mail.pt
16 de Janeiro 2004

ÍNDICE

1.Introdução 5

2. Políticas decrédito
2.1. Conceituação 6
2.2. Objectivo central 6
2.3. Condicionantes na definição de uma política de crédito 7
2.4. Tipos de políticas de crédito 9
2.5. O descontofinanceiro como instrumento de política de crédito 12
2.6. O custo do crédito 13

3. As informações de crédito
3.1. A quantidade da informação17
3.2. As fontes de informação 18

4. A análise de crédito
4.1. Técnicas de avaliação de risco 21
4.1.1. Os efeitos de alavanca 22
4.1.2. O ponto de equilíbrio ou ponto crítico 24
4.2. Relatórios de crédito 24
4.3. Técnicas de “Scoring” 27
4.3.1.Uso de fórmulas naapreciação do crédito 30
4.4 Rácios Financeiros 31

5. Gestão do crédito a clientes
5.1. Condições de vendas 38
5.2. Instrumentos de crédito comercial 39

6. A concessão de crédito
6.1. A aprovação baseada em tabelas “rating” 43
6.2 Linhas de crédito 44
6.3 A utilidade de árvores de decisão na concessão de crédito47

7. A avaliação do risco na banca
7.1. Conceito e processo da análise de crédito 49
7.2. Elementos-chave da análise de crédito 50
7.3. Análise qualitativa 52
7.4. Análise quantitativa 52

8. “Factoring”
8.1. Conceituação 53
8.2. Modalidades de “factoring” 54
8.3. Modo de funcionamento 57
8.4.Vantagens e Desvantagens 58

9. Seguro de crédito
9.1. Conceituação 60
9.2. Seguro de crédito na exportação 60
9.3. Condições gerais da apólice 61
9.4. Parecenças e diferenças entre “factoring” e seguro de crédito 64

10. Caso prático 66

11. Conclusão 72

1.Introdução
A empresa é o conjunto de recursos que acompõem (capital, humano, técnico...) estes agrupam-se para oferecer produtos ou serviços e receber por estes a contrapartida monetária equivalente. A competitividade dentro dos sectores é cada vez maior e a melhor capacidade negocial dos clientes empurram as operações de venda para o diferimento do pagamento do momento da troca dos produtos e serviços. Isto obriga à concessão de crédito, que paraalém de influenciar imediatamente o cash flow, se mal gerido, pode provocar sérios danos à função financeira de uma empresa, ou seja, a concessão de crédito que pode servir como importante factor competitivo é factor crítico para o sucesso no mercado actual.
Os gestores de crédito cruzam-se diariamente com a preocupação de tomar decisões cada vez mais objectivas, concisas, não...
tracking img