Resumo do texto: “fracasso escolar”

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1574 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de agosto de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA
CENTRO DE EDUCAÇÃO
CURSO DE PSICOPEDAGOGIA
ALUNO: MARCOS TADEU GARCIA PATERRA

RESUMO DO TEXTO: “FRACASSO ESCOLAR”

JOÃO PESSOA
AGOSTO/2011

RESUMO DO TEXTO:
“FRACASSO ESCOLAR”

FERNÁNDEZ, Alicia. Os Idiomas do Aprendente: Análise das modalidades
ensinantes com famílias, escolas e meios de comunicação. Porto Alegre: Artmed Editora, 2001. p. 23 – 50.Conforme Alicia Fernández, o maior problema é a busca pelos culpados do fracasso escolar e, a partir daí, percebe-se um jogo onde ora se culpa a criança, ora a família, ora uma determinada classe social, ora todo um sistema econômico, político e social. A autora nos mostra existe que não existe um culpado para a não- aprendizagem; Se a aprendizagem acontece em um vínculo, se ela é um processoque ocorre entre subjetividades, nunca uma única pessoa pode ser culpada.
“É certo que, muitas vezes, o "fracasso escolar" pode intervir como fator desencadeante de um "problema de aprendizagem" que, de outro modo não teria aparecido. Essa situação, que torna mais complexo e difícil o diagnóstico, exige uma maior responsabilidade e precisão teórica por parte da psicopedagogia. ”(FERNANDEZ, P.25. 2001)
Alicia Fernández nos lembra que “a culpa, o considerar-se culpado, em geral, está no nível imaginário”; e coloca que o contrário da culpa é a responsabilidade. Para ser responsável por seus atos, é necessário poder sair do lugar da culpa.
Sobre essa ótica Fernandez afirma que a postura psicopedagógica sobre o fracasso escolar é a de propiciar modalidades de aprendizagem que “ [...]potencializem possibilidades singulares de cada pessoa, oferecendo – lhe espaços em que possa realizar experiências com ensinantes que favoreçam esse processo”.
“A problemática da aprendizagem é uma realidade alienante e
imobilizadora que pode apresentar-se tanto individual quanto
coletivamente. Em sua produção, intervém fatores que dizem respeito ao socioeconômico, ao educacional, aoemocional, ao intelectual, ao orgânico e ao corporal. Portanto, para sua terapêutica e prevenção, impõe-se o encontro entre diferentes áreas de especialização: psicopedagogia, psicologia, psicanálise, pedagogia, pediatria, sociologia, etc.” (FERNANDEZ, P. 26. 2001)
Conforme a autora “a liberação da inteligência aprisionada só poderá dar -se através do encontro com o prazer de aprender que foi perdido”.Ou seja, o aluno só conseguirá retomar para si a importância da aprendizagem, quando voltar a acreditar em si mesmo e perceber que há pessoas que acreditam nele igualmente, sem preconceitos, marginalizações ou expectativas inatingíveis.
Sobre esse prisma a autora revela que a principal tarefa na relação com os pacientes (aos quais denominou : “aprendensinantes”) é “ajudá-los a recuperar oprazer de aprender” e, de modo igual, os ensinantes aspirarem , recuperar o prazer de trabalhar aprendendo e de aprender trabalhando.
Conforme Alicia Fernandez a psicopedagogia vem para explicar também que na fabricação do problema de aprendizagem como sintoma intervém questões que dizem respeito à significação inconsciente do conhecer e do aprender e ao posicionamento diante do escondido.
“[...]Por último, e não menos importante, a psicopedagogia clínica vem para dizer também que, na fabricação do fracasso escolar, participam questões relativas ao posicionamento dos “ensinantes professores”, mas também dos “ensinantes médicos” e do poder médico, as quais, exibindo, por vezes, um conjunto de informações hegemônicas e monopolistas, supõem o aprendente como um “sistema nervoso centralcaminhando”. (FERNANDEZ, P. 27. 2001)
Fernandez em seu texto nos diz que como diagnóstico, um fracasso escolar pode diferenciar-se de um problema de aprendizagem, analisando a modalidade de aprendizagem do aprendente em sua relação com a modalidade ensinante da escola. Nas situações de fracasso escolar, a modalidade de aprendizagem do sujeito não se torna patológica; quando se constitui um...
tracking img