Resumo capitulos 5,6,7,8 livro historia da relacoes internacionais comtemporaneas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 21 (5026 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Capítulo 5
A agonia europeia e a gestação da nova ordem internacional (1939-1947)
A Europa vivia um período de instabilidades, passou de grande potência para um declínio em seu centro de poder.
Em um primeiro momento da Segunda Guerra Mundial não há um conflito mundializado, a grande questão que transforma o rumo da guerra foi o ataque a Pearl Harbor, que une os dois conflitos existentes naÁsia e Europa e engloba o mundo em uma disputa generalizada.
Hitler definia o curso de sua política embasado em uma redução de espaço da França na Europa; aliança com a Grã-Bretanha; constituir a África como uma colônia; ser um polo de poder ao lado do Japão e defrontar os Estados Unidos. O meio para o líder nazista de se chegar a esses objetivos era de forma beligerante.
Quando a guerra começou deforma tímida e lenta, a França se aliou a Grã-Bretanha com o ideal de superioridade sobre as tropas alemãs, buscando estrategicamente atrasar a chegada da guerra, isolando economicamente a Alemanha para provocar uma miséria social e uma ruína financeira, diminuindo assim um pouco do poderio germânico. Até então os Estados Unidos vendia armamentos para ingleses e franceses mas mantinham umapostura neutra, não havia entrado na guerra efetiva e diretamente.
No fim de 1939, Hitler propõe um acordo de paz para com a aliança franco-britânica, que é rejeitado, para eles, só haveria acordo caso houvesse um cessar fogo na Polônia e Tchecoslováquia. A Grã-Bretanha via como única forma de restabelecer a ordem, tomar a Polônia do controle alemão, e a França via na guerra uma oportunidade dedestruir o império germânico. Ao mesmo tempo Alemanha e União Soviética assinavam um acordo de segurança entre eles. Em 1940 os Soviéticos invadem a Finlândia com o apoio alemão.
Na Ásia, havia o Japão que acreditava em prosperar para ser uma potência. Travava conflitos regionais, tomando as Filipinas, Hong Kong, Malásia, Manilla e muitos outros territórios.
Na Inglaterra, o conflito ganha umaideologia e um sentimento patriota. O ódio contra Hitler é alimentado, ele era o inimigo e não o povo. No resto da Europa a maioria dos países ainda não havia se engajado ou tomado um lado. Havia os receios da destruição que uma guerra traria, os Estados em sua maior parte mantinham a prudência da neutralidade.
A ofensiva militar começou efetivamente, em 1940, semanas depois a França já estava tomadapela Alemanha, no mesmo ano eles assinam um cessar fogo temporário com os alemães e italianos, deixando assim a Grã-Bretanha sozinha que entrou em uma profunda recessão. O líder alemão queria eliminar os ingleses em crise, o mais rápido possível atacando e obrigando-os a cooperar para que pudesse ir para seu foco: Eliminar a União Soviética.
Os Estados Unidos ainda assistia a tudo sem se posicionar,a rapidez com que a França falhou, impressionou. A ameaça Alemã estava crescendo e o Japão em expansão sob o oriente. A Itália de Mussolini começou uma guerra paralela contra Grécia e a parte Norte da África. A instabilidade na Europa era a tradução do hiato das relações internacionais.
A mundialização do conflito acontece quando o Japão ataca a base americana Pearl Harbor e a Alemanha entra emcombate contra a União Soviética.
O cenário mundial vai se transformando e se adaptando aos contornos da guerra. A Grã-Bretanha endividada se retira como potência e dá espaço aos Estados Unidos.
O Recém-eleito presidente Franklin Roosevelt, estava disposto a eliminar Alemanha, Itália e Japão. Ele já se preparava para entrar no conflito. Em 1941 assina com o primeiro-ministro britânico Churchilla Carta do Atlântico que falava da “destruição final da tirania nazista.” Em dezembro do mesmo ano o Japão ataca Pearl Harbor, fato que leva os norte-americanos ao ímpeto da Segunda Guerra Mundial. Nesse momento as guerras paralelas que aconteciam na Ásia e Europa foram unidas em uma só. No mesmo ano o inverno russo venceu as tropas alemãs, fazendo-as recuar e levantando outra potência militar,...
tracking img