Residuos solidos e perigosos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 65 (16070 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
RESÍDUOS SÓLIDOS E PERIGOSOS

1. INTRODUÇÃO

Uma das atividades do saneamento ambiental municipal é aquela que contempla a gestão e o
gerenciamento integrado de resíduos sólidos urbanos (GIRSU), tendo por objetivo principal
propiciar a melhoria ou a manutenção da saúde, isto é, o bem estar físico, social e mental da
comunidade. Os termos gestão e gerenciamento, em geral, adquiremconotações distintas
para grande parte dos técnicos que atuam na área de resíduos sólidos urbanos, embora
possam ser empregados como sinônimos. O termo gestão é utilizado para definir decisões,
ações e procedimentos adotados em nível estratégico (Lima, 2001), enquanto o
gerenciamento visa à operação do sistema de limpeza urbana (Projeto BRA/922/017, 1996
apud Lima, 2001).
Assim, por exemplo, pode-seafirmar que a prioridade dada à redução de resíduos ou a
determinada tecnologia de destinação final é uma tomada de decisão em nível de gestão.
Lembrando-se de que para viabilizar esta tomada de decisão é imprescindível estabelecer as
condições políticas, institucionais, legais, financeiras, sociais e ambientais necessárias. Por sua
vez, os aspectos tecnológicos e operacionais relacionados adeterminado programa de redução
na fonte ou à implementação de um aterro de disposição de resíduos, o que envolve também
os fatores administrativos, econômicos, sociais, entre outros, são de atribuição do gerenciador
do sistema de limpeza urbana.
O gerenciamento de resíduos sólidos urbanos deve ser integrado, ou seja, deve englobar
etapas articuladas entre si, desde a não geração até adisposição final, com atividades
compatíveis com as dos demais sistemas do saneamento ambiental, sendo essencial a
participação ativa e cooperativa do primeiro, segundo e terceiro setor, respectivamente,
governo, iniciativa privada e sociedade civil organizada.
Segundo a Pesquisa Nacional de Saneamento Básico (PNSB), realizada pelo Instituto Brasileiro
de Geografia e Estatística (IBGE, 2002), apopulação brasileira é de aproximadamente 170
milhões de habitantes, produzindo diariamente cerca de 126 mil toneladas de resíduos sólidos.
Quanto à destinação final, os dados relativos às formas de disposição final de resíduos sólidos
distribuídos de acordo com a população dos municípios, obtidos com a PNSB (IBGE, 2002),
indicam que 63,6% dos municípios brasileiros depositam seus resíduos sólidos em“lixões”,
somente 13,8% informam que utilizam aterros sanitários e 18,4% dispõem seus resíduos em
aterros controlados, totalizando 32,2 %. Os 5% dos entrevistados restantes não declaram o
destino de seus resíduos.
Verifica-se também que a destinação mais utilizada ainda é o depósito de resíduos sólidos a
céu aberto na maioria dos municípios com população inferior a 10.000 habitantes,considerados de pequeno porte, correspondendo à cerca de 48% dos municípios brasileiros.
Nesses municípios, 63,6% dos resíduos sólidos coletados são depositados em lixões, enquanto
1

RESÍDUOS SÓLIDOS E PERIGOSOS

16,3% são encaminhados para aterros controlados.
O depósito de resíduos sólidos a céu aberto ou lixão é uma forma de deposição desordenada
sem compactação ou cobertura dos resíduos, o quepropicia a poluição do solo, ar e água, bem
como a proliferação de vetores de doenças. Por sua vez, o aterro controlado é outra forma de
deposição de resíduo, tendo como único cuidado a cobertura dos resíduos com uma camada
de solo ao final da jornada diária de trabalho com o objetivo de reduzir a proliferação de
vetores de doenças.
A predominância dessas formas de destinação final pode serexplicada por vários fatores, tais
como: falta de capacitação técnico-administrativa, baixa dotação orçamentária, pouca
conscientização da população quanto aos problemas ambientais ou mesmo falta de estrutura
organizacional das instituições públicas envolvidas com a questão nos municípios, o que acaba
refletindo na inexistência ou inadequação de planos de GIRSU.
Para reverter essa...
tracking img