Resenha

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1309 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Entre o plágio e a autoria: qual o papel da
Universidade?

RESENHA
Plágio no universo acadêmico: a negação da autoria antes de qualquer coisa, pinto pintura. E antes de qualquer coisa te escrevo dura escritura. Lispector, 1980, p. 12O que é um autor? Essa foi à pergunta que fez um dia o pensador francês Foucault. Considerando que a função autor sofreu variação na sua concepção ao longo dotempo, hoje, na sociedade informática em que se vive, essa pergunta poderia se repetida com alguns acréscimos: o que é um autor e como se forma um autor no contexto de uma sociedade em que a tecnologia digital transforma a linguagem num elo virtual entre o homem e o mundo? Essa é uma questão relevante, uma vez que a informação e os textos, nos tempos atuais, se encontram cada vez mais à mão, como umconvite ao sujeito para mergulhar nos labirintos hipertextos, para o exercício e a difusão da escrita ocupara forjar como seu apenas um excerto, um parágrafo ou mesmo todo um texto, mediante cópia não autorizada. O fato é que, historicamente, desde o ensino fundamental à universidade, se tem convivido com a prática de cópias de produções textuais de outrem, de forma parcial ou total, omitindo-se afonte. No contexto da sociedade informatizada em que vivemos, essas discussões têm-se acentuado, haja vista as possibilidades que se vêm ampliando, pela internet, no que diz respeito ao graduando apropriar-se de obras protegidas por direitos autorais. Daí partiu a necessidade de compreender questões como: de que forma os graduandos de letras, professores em formação estão apropriando-se doshipertextos digitais para produção de textos acadêmicos? Que concepção de plágio têm os graduandos de letras? Como a universidade tem tratado a questão da cópia entre esses futuros professores de língua materna? Na intenção de refletir sobre essas questões, realizou-se uma pesquisa de campo com 20 graduandos de letras, professores de língua materna em formação, pertencentes a uma universidade públicado estado da Bahia. Constituiu-se campo de pesquisa um curso de extensão semipresencial, a partir do uso de interfaces como fórum, chat, diário e wiki (espaço para realização de escrita colaborativa) disponibilizadas no ambiente virtual de aprendizagem Modele. Constituíram eixos de análise: a produção textual, a leitura, o plágio, a coautoria, partindo-se dos textos que os sujeitos construíramnas seguintes interfaces: o fórum e o chat sobre leitura e escrita na internet; o chat, espaço/tempo em que se discutiu sobre plágio; o diário, no qual os graduandos escreveram suas experiências de leitores/produtores de texto; e o texto colaborativo que construíram no wiki,como experiência de produção escrita em coautoria. Nas interfaces fórum e wiki do Modele, os sujeitos produziram textosmotivados pelas reflexões e discussões sobre o objeto, engendradas nos encontros a distância e presenciais. Tais produções textuais escritas, juntamente com os textos orais construídos pelos sujeitos em chats e entrevistas semiabertas, contribuíram para a análise crítico-reflexiva e interpretação sobre como os sujeitos leem e produzem textos a partir dos hipertextos digitais. Além disso, lançou-se mãoda observação que forneceu subsídios para a análise e discussão sobre como leem e escrevem os graduando de letras, como organizam suas ideias, como constroem conhecimentos, a partir do hipertexto digital.
Compreende-se que é pelo ato criador da escrita que o sujeito se insere nesse meio sociocultural; pelo ato da escrita, ele autoriza-se a examinar, avaliar, expressar ou silenciar; nessesilêncio (o não dito), ele abre espaço para a presença do outro, se um interlocutor, pois "o autor não realiza jamais o fechamento completo do texto, vi estoque aparecem [...] ao longo do texto pontos de deriva possíveis, oferecendo lugar à interpretação, ao equívoco, ao trabalho da história da língua" (Orlandi, 2004, p. 77).Ao mesmo tempo em que o sujeito escreve, tece o seu texto (tarefa árdua, mas...
tracking img