Resenha - modelo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1828 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE/INSTITUTO XX XXXXXXXX – U/IXXX
Nome do curso
Campus xx – Cidade - Estado

RESENHA CRÍTICA
Nome do resenhista

I – OBRA

NASCIMENTO JÚNIOR, Antônio Fernandes. Fragmentos da história das concepções de mundo na construção das ciências da natureza: das certezas medievais às dúvidas pré-modernas. Revista Ciência & Educação, v. 9. n. 2, p. 277-299, 2003.

II – CREDENCIAIS DAAUTORIA

Antônio Fernandes Nascimento Júnior é Professor Assistente Doutor da área de Pós-Graduação em Planejamento Regional e Urbano: Assentamentos Humanos da Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação, Universidade Estadual Paulista, Campus de Bauru, São Paulo.

III – CONCLUSÕES DA AUTORIA

As constantes inquietações sobre a história da concepção do mundo se fazem presentes na vidacotidiana dos filósofos de todos os tempos. Desse modo, no artigo intitulado “Fragmentos da história das concepções de mundo na construção das ciências da natureza: das certezas medievais às dúvidas pré-modernas”, do autor Nascimento Júnior, aparecem várias vertentes e concepções sobre o mundo e seu surgimento. Passando pelos Filósofos Gregos Aristóteles e Platão, entrando pelo viés de pensamento donovo mundo, emaranhando no pensamento dos persas e chegando aos renascentistas, que muito contribuíram para a concepção de mundo que temos hoje, na era pós-moderna.

Assim, parece ser de grande relevância, para as concepções de mundo que temos hoje, este estudo expresso neste artigo. Uma vez que, através da Filosofia de todos os tempos, o homem pode se deparar com inquietudes variantes entre o“quem somos” e “onde estamos” até o desejo de saber a origem das coisas. Essas idéias e inquietudes fomentam um debate envolvendo as constantes certezas e as dúvidas sobre as construções das ciências da natureza.

IV- DIGESTO

O artigo supracitado tem por objetivo acrescentar novos elementos na historiografia da ciência da natureza. Mais precisamente, pretende caminhar entre o pensamento medievale a pré-modernidade renascentista, identificando questões fundamentais para a transformação do mundo, indo da era clássica até o mundo cristão moderno. Desse modo, para facilitar a explanação, o autor trabalha com a perspectiva da historiografia, saindo da era a.C, entrando pelo mundo árabe e chegando a renascença, berço da era pós-moderna. Assim temos:

Os gregos e a concepção do mundoclássico – O pensamento essencial do grego, para explicar o mundo, se fincava no logos, que para encontrá-lo era necessário a sabedoria (episteme). Feito isso, estavam postos os elementos fundamentais para a construção da Ciência Grega. Este pensamento grego se firmava no propósito de encontrar um método capaz de entender a relação estabelecida entre o homem e o mundo. Nesse certame, para entender taisdualidades figurava o método de argumentação.

A filosofia a serviço da fé: o neoplatonismo cristão da patrística e a submissão das últimas expressões da filosofia grega – A tentativa de submeter a filosofia pagã ao cristianismo se dá por volta do século II d.C. Neste ensejo, surge a filosofia patrística e a necessidade de se explicar o mundo através da ciência, mas passando pelo crivo da Igreja.Assim, surgem grandes pensadores, com maior destaque para Agostinho, que aprisionou a razão à fé e, oportunamente, fazia com que esta estivesse inteiramente ligada e dependente daquela. Ou seja, tudo dentro da ciência passaria pelo crivo Cristão, que se fundamentava na trindade: Pai (Existência), Filho (Conhecimento) e Espírito Santo (Vontade). O Império romano, após Agostinho, mergulhou em umperíodo de fragmentação e desordem.
A razão neoplatônica e aristotélica e a contribuição dos bizantinos – O espírito bizantino é melhor compreendido se for visto pelo prisma da literatura, que, por sua vez, se dividia entre o popular e o erudito. Como a cultura bizantina mantinha a salvo a cultura grego-romana, não foi difícil buscar referencial para a explicação da concepção do mundo....
tracking img