recursos humanos 1° semestre

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1576 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de maio de 2014
Ler documento completo
Amostra do texto










































































SUMÁRIO

1 INTRODUÇÃO
Na Revolução Industrial, ganhos exorbitantes e objetivo de como faturar gradativamente, desencadeou o desejo de ganhar muito dinheiro e ter redução de custos, nos ramos empresariais era algo muito importante, o alvoprincipal era investir no maquinário, pois se entendia que quanto mais produção, haveria mais rentabilidade. A mão de obra humana era desvalorizada, pois havia muitas pessoas para poucas vagas ,os operários viveram em um regime de “quase escravidão”. Pois o objetivo seria ter um trabalhador pelo menor custo e ser mais efetivo na produção possível.
Adam Smith (filosofo e economista ), considerado o pai daeconomia moderna do liberalismo, acreditava num ponto chave, “O essencial de constantes inovações tecnológicas e queda de preços,seria especialização na divisão de trabalho e na produtividade,”.
Daí em diante Elton Mayo fez uma grande descoberta “Boas condições de trabalho influenciaria no aumento de produtividade, contaria muito o fator psicológico do profissional, a integração social (gruposinformais).Pelo motivo dos profissionais passarem mais tempo dentro da empresa do que nos seus respectivos lares.
Dificilmente acreditaríamos que nos dias de hoje, com tanta informação existiriam empresas retroagindo no tempo, construindo organizações que atropelam o conceito de ética e da moral, desvirtuando a seriedade de uma empresa e fragmentando regras, porque desejam bons resultados. Nãosabendo que seria melhor valorizar o funcionário e ter estratégias primordiais de administração de gestão de pessoas.
Sendo que o recurso estratégico mais eficiente é a informação, o conhecimento e a criatividade de seus colaboradores .O conhecimento tão acessível faz hoje o profissional ter grandes especializações, beneficiando ambas as partes a empresa e o profissional.
O conhecimento e acriatividade com o melhor resultado, consiste se profissional dará o seu comprometimento real a função exercida, para isso entra a estratégia do setor de Recursos Humanos, extrair o melhor do profissional recrutado, não somente visando dar a ele uma boa remuneração, mas outros benefícios, superando ambas expectativas.
2 .DESENVOLVIMENTO
2.1 RELAÇÃO COM A GESTÃO DE PESSOASNo inicio da Revolução Industrial, no Século (XIX),não foi dada a devida atenção para a organização constituída de pessoas . Segundo PETER DRUCKER “o serviço prestado deveria ser padronizado” .Acreditava-se num trabalho mecanizado, esquecendo-se do patrimônio mais valioso o SER HUMANO,mas sim valorizava-se mercadorias. Nos dias de hoje ainda encontramos tayloristas.

2.2 VALORES NÃOCONSIDERADOS PELA A EMPRESA

Quando há psicologia organizacional. A saúde e boas condições de trabalho proporcionadas ao colaborador possibilitará melhor desempenho e maior satisfação do organismo empresarial e da sociedade .Definir pessoas e extrair o que há de melhor nelas, é a estratégia correta para alcançar as metas e um bom funcionamento da empresa, não é compelindo,muito menos constrangendo numa investigação da vida pessoal do colaborador, será o caminho para se alcançar o sucesso da empresa . Um bom recrutamento para a área certa ,daria ao funcionário um comprometimento maior deixando de ser um gasto necessário e se tornando um investimento com grande retorno, não basta apenas ter um salário, tem que ser prazeroso trabalhar, dignificar o seu serviço.Portanto, ainda hoje, empresas que oferecem prestação de serviços, que vendem bons investimentos, aos seus clientes, não direciona boas condições de trabalho, mas preferem custear infração contra o Artigo 5º LVI, CF. Não é quebrando regras, destituindo da ética e da moral que a empresa será monetariamente bem sucedida, pois , hoje em dia, “os fins não justificará os...
tracking img