Radiofrequencia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 32 (7880 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO

DIRETORIA DE ENSINO E CULTURA

ACADEMIA DE POLÍCIA MILITAR DO BARRO BRANCO



CURSO DE HABILITAÇÃO AO QUADRO AUXILIAR DE OFICIAIS DA PM





MIGUEL ANGELO MINOZZI





DESPACHO DO SERVIÇO DE ATENDIMENTO DE RESGATE NOS MUNICÍPIOS SEM REGULAÇÃO MÉDICA: PROPOSTA DE NORMATIZAÇÃO










São Paulo
2012

DESPACHO DO SERVIÇO DE ATENDIMENTO DE RESGATE NOSMUNICÍPIOS SEM REGULAÇÃO MÉDICA: PROPOSTA DE NORMATIZAÇÃO

MIGUEL ÂNGELO MINOZZI[1]

RESUMO
A Regulação Médica das Urgências, conhecida desde a França por sua atuação no atendimento pré-hospitalar móvel, vem se estruturando como importante ferramenta na avaliação e implementação do Sistema de Atenção Integral às Urgências. O principal objetivo deste artigo é propor a normatização para o despacho doserviço de atendimento de resgate através da devida regulação médica em todos os Grupamentos de Bombeiros do Estado de São Paulo. No desenvolvimento do trabalho analisa-se três vertentes que visam propor a normatização em epígrafe. O método utilizado para a abordagem do tema foi o hipotético-dedutivo, utilizando-se pesquisas bibliográficas sobre a legislação vigente, entrevistas e visitas. Aproblemática foi amplamente estudada, confirmando as hipóteses aventadas, no sentido de que a regulação médica consolida formalmente o serviço de resgate na Política Nacional de Atenção às Urgências.
Palavras-chave: Resgate. Atendimento pré-hospitalar. Regulação médica.


ABSTRACT
The Medical Regulation of Urgencies, knonw since France for its performance in the mobile pre-hospital care, has beenstructured as important tool in the evaluation and implementation of the System of Integral Attention to the Urgencies. The main objective of this search is to propous the standardization for the rescue care service expedition through rigth medical regulation in all São Paulo State Firemen Group. In the work development analyzes three ways witch give normatization in epigraph. The method of thisboarding was the hypothetical-deductive, using bibliographics searches about law in force, interviews and visits. The problematic was widely studied, confirming the initial hypotheses, that the Medical Regulation formally confirm the Rescue Service in Urgency Attention Nacional Politic.
Key word: Rescue. Pre-Hospital Emergency Service. Medical Regulation.

INTRODUÇÃO


O Sistema Resgatea Acidentados em São Paulo foi efetivamente operacionalizado a partir de 1990, através de uma parceria entre as Secretarias da Saúde e da Segurança Pública, que através do Corpo de Bombeiros e Grupamento de Radiopatrulhamento Aéreo, pertencentes à Polícia Militar, objetivavam a prestação de um primeiro atendimento às vítimas de acidentes e traumas em via pública, fornecendo um suporte básico devida e o transporte adequado ao centro médico apropriado.
O serviço de Resgate rapidamente tornou-se conhecido e necessário, pois preencheu uma carência de atendimento à população, tornando-se um grande êxito pela prestação com tamanha qualidade, até então não conhecida para aquela especificidade de ação. Atualmente, a prestação de serviço do Resgate assume aproximadamente 60% do atendimentototal do Corpo de Bombeiros da PMESP, segundo dados fornecidos pelo Departamento de Operações/CB.
A partir de 1988, com a promulgação da Constituição Federal, o modelo de gestão na atenção da saúde pública deixou seu caráter assistencialista, para passar a preocupar-se com a saúde do cidadão de uma forma mais integral.
O surgimento do Sistema Único de Saúde (SUS) trouxe comoprincipal objetivo proporcionar ao cidadão brasileiro um atendimento amplo e completo, criando áreas diferenciadas de cuidados, entre elas a pré-hospitalar, a de atenção hospitalar, a de reabilitação e, a de acompanhamento domiciliar de reintegração.
Na área de atendimento pré-hospitalar foi criada uma divisão entre o serviço móvel, as ambulâncias e o fixo, as “portas de entrada” dos pacientes...
tracking img