Quimicos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1637 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
INSTRUMENTAÇÃO PARA O ENSINO DE QUÍMICA I – 2009
14/03/2009
FLAVIO ANTONIO MAXIMIANO

A NATUREZA DO CONHECIMENTO
CIENTÍFICO

VISÕES SOBRE A CIÊNCIA
Filósofo
Filósofo
Historiador
Historiador
Cientista
Cientista
Sociólogo
Sociólogo
Senso
Senso comum

PROFESSOR
DE
CIÊNCIAS

ENSINO DE
CIÊNCIAS
2

O MÉTODO INDUTIVO
Caracterizado por uma série de procedimentos
rígidos.1) Observação do particular (acúmulo de informações)
2) Classificação das observações em categorias
3) Formulação de leis e teorias (explicação)
4) Previsões
5) Testes das previsões

A aceitação de uma lei ou teoria seria decidida
pela observação ou experimento
3

O POSITIVISMO LÓGICO (ANOS 20)
Década de 20
Positivismo (Comte): “a ciência como o paradigma
de todo o conhecimento”Círculo de Viena (Áustria): combinação de idéias
empiristas e o uso da lógica moderna
Influências: lógica, matemática e física moderna

Positivismo Lógico ou Empirismo Lógico
A Ciência é:
Busca da verdade objetiva
objetiva;
Resultado da observação (pura e isenta) de fatos, das
evidências e dos sentidos;
Um processo acumulativo (progresso linear
progresso linear);
4

O POSITIVISMO LÓGICO(ANOS 20)
O conhecimento factual ou empírico deve ser
obtido a partir da observação através da indução
indução.
Indução: processo pelo qual podemos obter e
confirmar hipóteses a partir da observação
observação.

A aceitação de uma lei ou teoria seria decidida
exclusivamente pela observação ou experimento
experimento.
Todo enunciado pode ser falso ou verdadeiro.
Uma hipótese écientífica se puder ser verificada
experimentalmente.

O método indutivo permite conferir probabilidade
cada vez maior ao conhecimento,
5

O POSITIVISMO LÓGICO (ANOS 20)

6

KARL POPPER
(RACIONALISMO CRÍTICO OU HIPOTÉTICO-DEDUTIVISMO)

Anos 30.
Verdades são provisórias. Existe uma verdade
objetiva, mas não podemos conhecê-la.
Objetivo: buscar leis cada vez mais próximas da
verdade (maiorgrau de verossimilhança).
Método hipotético-dedutivo:
1) formulação de hipóteses (intuição e criatividade)
2) hipótese leva à conclusões
3) conclusões são comparadas (consistência interna)
4) a forma lógica da teoria é investigada
5) as conclusões são testadas (experimento ou
observação)
6) se as conclusões são testadas:
Corroboração
Corroboração da hipótese.
Substituição oumodificação da hipótese.

7

KARL POPPER
(RACIONALISMO CRÍTICO OU HIPOTÉTICO-DEDUTIVISMO)

Falsificação
Falsificação ao invés de verificação:
Teorias que resistem à falsificação são corroboradas
corroboradas.
É uma medida que avalia o sucesso passado de uma teoria.
Falsificação ao invés de confirmação.

Indicador para a aproximação da verdade.

A lógica dedutiva é usada para criticar teoriase
não para prová-las.
“Não é possível provar teorias somente refutá-las.”

Hipóteses e teorias são científicas se podem ser
refutadas.
Metais se dilatam proporcionalmente com aumento de
T. (científica)
Vai chover amanhã. (não científica)
8

KARL POPPER
(RACIONALISMO CRÍTICO OU HIPOTÉTICO-DEDUTIVISMO)

9

LAKATOS (ANOS 70)
Programa
Programa de pesquisa: guia o trabalho docientista. É
formado por:
‘Núcleo
‘Núcleo rígido (miolo)’ do programa não pode ser rejeitado/
modificado (heurística negativa)
‘Cinturão
‘Cinturão de proteção’ são hipóteses auxiliares que podem ser
modificadas (refutadas)
Sugestões e técnicas para modificação e sofisticação do cinturão de
proteção orientam a pesquisa científica (heurística positiva)

As teorias são irrefutáveis: pode-semodificar as teses
(hipóteses) auxiliares.
O desenvolvimento de um programa de pesquisa demanda
tempo (verificação ao invés de falsificação)
Programas progressivos: levam à novas descobertas.
Programas regressivos: não levam a novas descobertas.

Uma teoria pode ser superada por outra que tem maior
conteúdo confirmado.

10

THOMAS KHUN
(A ESTRUTURA DAS REVOLUÇÕES CIENTÍFICAS -...
tracking img