Quimica organica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1613 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Efeito de detergentes sobre a tensão superficial da água e Emulsificação de óleos

Objetivo:
Explicar o efeito em cada experimento com base nas propriedades tensoativas dos detergentes, e explicar de uma forma sucinta o que é emulsão.
Resumo:
Foram realizados quatro de tipos de experimentos no qual foram classificados de parte A1 A2 A3 e parte B1 sendo utilizadas várias soluções dedetergente e sabão. O que pode ser observado e que a água por si só não consegue interagir diretamente com o óleo, já ao acrescentarmos as soluções de sabão ou detergente observa-se que o sabão consegue interagir tanto com substâncias polares (água) quanto apolares (óleo).
Introdução:
A água por si só não consegue remover certos tipos de sujeiras, como Por exemplo, o óleo. Isso acontece porque asmoléculas de água são polares e as de óleo,apolares.O sabão ou detergente exerce um papel importantíssimo pois, consegue interagir tanto com substâncias polares quanto com substâncias apolares.Isso pode ser entendido analisando sua estrutura.

Podemos dizer que a cadeia apolar de um sabão é hidrófoba (possui aversão pela água) e que a extremidade polar é hidrófila (possui afinidade pela água).
Podemosdar como exemplo quando ao lavarmos um prato sujo de óleo, formam-se os que os químicos chamam de micelas, uma gotícula microscópica de gordura envolvida por moléculas de sabão, orientadas com cadeia apolar direcionada para dentro (interagindo com o óleo) e a extremidade polar para fora (interagindo com a água).
A água para enxaguar o prato interage com a parte externa da micela, que éconstituída pelas extremidades polares da molécula de sabão. Assim, a micela é dispersa na água e levada por ela, o que torna fácil remover, com o auxílio do sabão, sujeiras apolares.
Já os detergentes sintéticos atuam da mesma maneira que os sabões, porém diferem deles na estrutura da molécula. Sabões são sais de ácido carboxílico de cadeia longa, e detergentes sintéticos, na grande maioria, são sais deácidos sulfônicos de cadeia longa. Atualmente existem muitos outros tipos de detergentes,mas que, invariavelmente,possuem uma longa cadeia apolar e uma extremidade polar.

Ácido carboxílico de cadeia longa e seu sal (um sabão)

Ácido sulfúrico de cadeia longa e seu sal (um detergente)

Amina de cadeia longa e seu sal (um detergente)

Materiais e métodos:
No experimento A-I: utilizou-se umaflanela seca e foi adicionada sobre sua superfície uma gota de água e uma gota de solução de detergente, podendo assim observar a reacção tanto da água quanto da solução de detergente.
No experimento A-II: utilizou-se um bequer de 50 ml, foi preenchido com água até sua metade, espalhou-se com ajuda de uma espátula, um pouco de enxofre em pó sobre a superfície da água sem agitar, adicionado trêsgotas de solução de detergente, logo em seguida observou-se sua reacao.
No experimento A-III: utilizou-se solução de detergente em uma placa de petri e água em uma outra placa de petri, logo em seguido foi adicionado com ajuda de uma pipeta uma gota de óleo nas duas placas de petri, em seguida observou - se o comportamento do óleo nos dois casos.
No experimento B: utilizou-se em quatro tubosde ensaio com 5ml cada as seguintes soluções: No no primeiro tubo água no segundo tubo solução de sabão comum no terceiro tubo solução de detergente lava louca no quarto tubo solução de detergente lava roupa, adicionou-se em cada tudo de ensaio dez gotas de óleo comestível agitou-se com bastante vigor cada tubo e pode-se observar as reacções que cada um deles apresentou.
Materiais utilizados:* Experimento A-I: Utilizado um pedaço de flanela.
* Experimento A-II: Utilizado dois béquer de 50 ml e uma espátula.
* Experimento A-III: Utilizado duas placas de Petri e uma pipeta.
* Experimento B: Utilizado quatro tubos de ensaio, uma estante e uma pipeta.

Reagentes utilizados:
* Experimento A-I: utilizado água destilada e solução de detergente
* Experimento...
tracking img