Quando a timidez se transforma em fobia social

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1541 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Universidade Federal de Rondônia

Quando a timidez se transforma em Fobia Social

Porto Velho/RO, março de 2012

Ana Letícia Guimarães de Souza Lima

Quando a timidez se transforma em Fobia Social

Trabalho escrito visandoo cumprimento da disciplina de Psicologia Geral IV, ministrada pelo professor doutor Paulo Renato Calheiros, pelo departamento de Psicologia.

Porto Velho/RO, março de 2012

Introdução

Existem vários fatores que influenciam a timidez, como uma “simples” apresentação para um público desconhecido ou até mesmo em uma sala de aula, ondena maioria das vezes, os ouvintes são apenas o professor e alunos que são considerados como pessoas conhecidas. Através do simples ato de estar envergonhado, surgem conflitos internos que podem ocasionar um agravamento dessa timidez, podendo levar o individuo a desenvolver a fobia social ou Transtorno de Ansiedade Social.

A ansiedade está presente em todo e qualquer individuo, quando omesmo é colocado em uma situação de exposição social, a única diferença é o grau que ela se apresenta, ou como é demonstrada por cada um em ações como uma entrevista de emprego e apresentações de faculdade. O fato de estar ansioso, não significa que o individuo apresenta uma doença, porém quando essa ansiedade se torna excessiva, causando algum tipo de constrangimento maior ou sofrimento, podecomeçar a ser vista como um problema.
As pesquisas na área da Neurociência tentam identificar as áreas do cérebro que se responsabilizam pelo medo patológico e se sabe que as Amígdalas identificam situações de perigo, que são assessoradas pelo Sistema Límbico, que é como um banco de memórias de ameaças que já foram conduzidas ao individuo, é como se fosse o seu banco de medos e enviam aoHipotálamo um sinal de reação, como a raiva ou estresse. E a ação desse sistema seria regulada pelas substancias serotonina e noradrenalina que são as responsáveis pelas sensações de humor e prazer.
Na psicologia, a timidez pode ser definida como desconforto ou inibição em situações de interação social que se associam com a preocupação do pensamento do outro, o que o outro está pensando e quaisreações ele está esboçando sobre você. Quando a timidez passa a ser sentida em maior intensidade, prejudicando tarefas diárias e simples e até mesmo suas relações sociais e se torna persistente, comprometendo até mesmo seu estado psíquico, o individuo pode estar apresentando um quadro de Fobia Social.
A fobia social tem como principal característica a ansiedade que o individuo transmite ao perceberque está sendo observado fora de seu ambiente familiar, quando está comendo ou bebendo na presença de desconhecidos, então o mesmo evita ao máximo esse tipo de situações, que podem causar sintomas como a aceleramento dos batimentos cardíacos, tremores, bloqueio ao falar, etc. Um diagnóstico precoce e o correto tratamento do individuo, podem evitar que outros problemas surjam e proporciona melhorqualidade de vida ao mesmo, pois, pessoas que apresentam esse tipo de patologia estão propensas a apresentar baixo desempenho escolar, podem passar a vida inteira morando com os pais, por não conseguir emprego e até mesmo não conseguir constituir família.
O individuo fóbico social que não procura ajuda, tende a aceitar-se como é, o que pode gerar sentimentos de inferioridade e atésubmissão, mesmo que sempre reconheça o seu valor e saiba que pode ser tão bom quanto, ou até melhor que seus colegas em alguma função, ele não manifesta seus pensamentos e idéias, o que o torna incompetente e acaba prejudicando sua imagem e com o passar do tempo, não se manifesta mais sobre nem o que acha ser certo, apenas aceita o que lhe impõem, o que é determinado.
Outra característica é a...
tracking img