Psicologia forense

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1077 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de agosto de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
CESUMAR – CENTRO UNIVERSITÁRIO DE MARINGÁ

BRUNO CANEDO MONTEIRO – RA: 080487-2
LARA FAVARO BORGHI – RA: 083655-2

TRANSTORNOS PSICOLÓGICOS
O MANÍACO DA BICICLETA

MARINGÁ – PARANÁ
2011
O MANÍACO DA BICICLETA

Dois crimes, duas crianças mortas, dois casos de violência sexual infantil. Os fatos por si só já causariam espanto no mais experiente dos policiais, porém, José Pontesescondia ainda mais histórias de crimes hediondos. A carreira criminosa de Pontes começou a ser trilhada no ano de 1975, quando ele tinha 15 anos e cometeu seu primeiro estupro. A vítima era uma menina, cuja idade não foi apurada pela polícia, que morava na cidade de Lages, Santa Catarina.
Logo em seguida, José fugiu para Curitiba, onde violentou um menino de oito anos. José foi preso logo em seguida epassou dez anos na cadeia sendo solto no ano de 1985. Após cumprir a pena, José não era mais um adolescente, e com 25 anos de idade voltou às ruas para cometer mais crimes. Em 1986, José Airton violentou um menino em Joinville (SC). Embora não tenha certeza, José acredita que tenha matado o menino. 
No ano seguinte José voltou para a cidade onde cometeu seu primeiro crime, Lages, onde violentou13 meninos, um deles, Pontes afirma que enforcou até desmaiar, não sabendo se o matou. Antes disso, o maníaco já havia passado por Balneário Camboriú, SC, e durante sua permanência estuprou uma menina.
De 1988 até 1992, outros quatro meninos foram violentados e uma menina estuprada por José. Os crimes aconteceram nos estados de Santa Catarina, Goiás e São Paulo. No município de Santa Cruz doRio Pardo (SP), José foi preso e lá cumpriu 12 anos de prisão, sendo solto em 2004, quando recebeu liberdade condicional. Solto novamente, José tinha ordem judicial de não deixar a comarca de Santa Cruz do Rio Pardo, mas ele não tomou conhecimento da determinação do juiz e desapareceu.
O maníaco voltou para Lages, Santa Catarina, e lá violentou mais três garotos. Um ano depois, em 2005, Josécomeçava a trilhar o caminho que o levou a Marmeleiro. A primeira parada foi em sua cidade natal, Caçador. Lá ele violentou um menino e seguiu para o município de Santa Cecília, onde estuprou uma menina. Em junho daquele ano, Pontes chegou a Curitiba onde estuprou e matou a menina Jéssica Morais de Oliveira. Logo em seguida foi para Palmas, no Tocantins, onde violentou um menino.
Em outubro retornouao Paraná e violentou e matou Renato antes de ser preso. Com a confissão do crime, Pontes levou a polícia até o local onde estuprou, matou e depois enterrou o corpo, marcando o fim de cinco meses de agonia e incertezas. Condenado a 37 anos de prisão, José Pontes acumula 30 anos de crime. 
José Airton Pontes, 52 anos, mais conhecido como o ‘Maníaco da Bicicleta’, ganhou espaço nas manchetespoliciais, após violentar sexualmente e logo em seguida assassinar o menino, Renato Renan Poronizak, 7, em Marmeleiro, no ano de 2005. Dias depois ele foi preso, na cidade de Pinhalzinho, em Santa Catarina. Em abril de 2009, em Francisco Beltrão, José foi julgado e condenado a 37 anos de prisão por crime de homicídio doloso, abuso sexual e ocultação de cadáver.
Logo em seguida, foi transferido paraCuritiba, onde aguarda julgamento por outro crime, esse o estupro e o assassinato de uma menina de 7 anos. Em junho de 2005, cinco meses antes de cometer o crime de Marmeleiro, José Pontes, raptou, estuprou e depois estrangulou a menina Jéssica Morais de Oliveira,8. A menina morava na Cidade Industrial de Curitiba e seu corpo foi encontrado, seis meses depois, em uma plantação de Pinus, nomunicípio de Almirante Tamandaré, Região Metropolitana de Curitiba.
A prisão de José Airton culminou com o fim das buscas de um dos maiores maníacos que atacavam crianças que o Brasil já conheceu, ao lado de Febronio Índio do Brasil, 1920, e Marcelo Costa de Andrade, o ‘Vampiro de Niterói’, 1993. Entre José Pontes, Febronio e Andrade a ciência forense encontra três semelhanças. O gosto por meninos, a...
tracking img