Proverbios

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1468 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
As (des)Conhecidas Expressões Populares Portuguesas
Sabia que o Terramoto de Lisboa de 1755 é um dos grandes responsáveis por muitas das expressões que ainda dizemos hoje em dia? E que “ter ouvidos de tísico” é o mesmo que ter ouvidos de quem tem tuberculose pulmonar?
Muitas das expressões que ouvimos no dia-a-dia nasceram há dezenas (ou até centenas) de anos. Contamos aqui a origem de algumasdas expressões mais usadas pelos portugueses.

“O primeiro milho é dos pardais”

Significado: Os mais fracos aproveitam as primeiras vantagens.

Origem: No tempo dos Romanos, era costume os agricultores oferecerem os primeiros frutos das suas colheitas às aves. Pensava-se na altura que eram as aves que levavam as oferendas aos deuses. O conhecimento desse hábito foi-se transmitindo degeração em geração, até que, no séc. XVI – século em que o milho chegou à Europa – a expressão evoluiu. O pardal era o símbolo de todas as aves e o milho abundava nas culturas portuguesas.

“Caiu o Carmo e a Trindade”

Significado: Desgraça; aparato; barulheira; surpresa; confusão.

Origem: O Terramoto de 1755 deixou muitas marcas físicas. Mas há marcas culturais que também persistem. Uma delas éesta expressão. Durante o terramoto, ouviu-se um enorme estrondo por toda a cidade de Lisboa. Quando os habitantes descobriram qual tinha sido a verdadeira causa de tal barulheira, logo disseram: “Caiu o Carmo e a Trindade”, isto é, desabaram os Conventos do Carmo e da Trindade.

“Levar água no bico”

Significado: Ter intenções ou propósitos ocultos.

Origem: Na linguagem dos marinheiros,“navegar com água no bico” significava remar contra a corrente, levando água do mar na proa, o que tornava o mar traiçoeiro. A expressão foi adaptada e tornou-se naquela que conhecemos hoje.

“Ir para o maneta”

Significado: Estragar-se; desaparecer; morrer.

Origem: Conta-se que, por alturas da invasão de Portugal, por parte dos franceses, um General, chamado Loison, tinha perdido um braço numaanterior batalha. Esse General era responsável pelas torturas aos presos e tinha, inclusivamente, causado várias mortes. Por ser tão terrível nas torturas que executava, surgiu um medo popular do General Loison, mas ninguém o tratava por esse nome. Para o povo, Loison era “o maneta”. E quando havia perigo de se ser capturado, ouvia-se logo o conselho: “Tem cuidado, que ainda vais para o maneta.”Duzentos anos depois, o General Loison ainda vive nesta expressão habitualmente utilizada.

“Resvés Campo de Ourique”

Significado: Por um triz; à justa.

Origem: No dia 1 de Novembro de 1755 – ironicamente, dia de Todos os Santos – uma das maiores tragédias de todos os tempos abateu-se sobre Portugal. Um terramoto de elevada magnitude, seguido de um tsunami, atingiu a cidade de Lisboa,matando milhares de pessoas. A força do tsunami foi de tal ordem que as águas entraram por Lisboa adentro e chegaram bem perto do Campo de Ourique. Foi resvés.

“Erro Crasso”

Significado: Erro grosseiro.

Origem: Na Roma Antiga, o poder dos Generais era tripartido. Chamava-se a isso um Triumvirato.
O primeiro Triumvirato de sempre era composto por Caio Júlio, Rompeu e Crasso. Foi dada umasimples missão a este último: atacar os Partos, um pequeno e, aparentemente, inofensivo povo. Crasso não se preocupou em treinar formações romanas e descurou qualquer tipo de estratégia. O resultado foi desastroso. O pequeno exército venceu facilmente e Crasso lamentou o seu erro. Mas o seu nome ainda vive.

“À grande e à francesa”

Significado: De forma luxuosa.

Origem: Jean Andoche Junotauxiliou Napoleão durante a primeira invasão de Portugal por parte dos franceses. Cá viveu durante alguns anos de forma extremamente luxuosa. A imaginação, a observação e a sabedoria populares encarregaram-se de criar esta expressão.

“Lágrimas de crocodilo”

Significado: Choro fingido; falsa tristeza.

Origem: O crocodilo, quando ingere um alimento, exerce uma forte pressão contra o céu da...
tracking img