Pronomes e verbos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1279 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
PRONOME e VERBO

CESPE/UnB – MPE/PI – ANALISTA MINISTERIAL – 2012
1- No trecho “somado aos que vinham sendo realizados nos últimos anos”,o elemento “aos” poderia ser corretamente substituído por àqueles.

CESPE/UnB – STJ– TODOS OS CARGOS – 2012
2- A partícula “se”, em “Tratava-se então de uma biblioteca imaginária...” e em “...o lugar em que se encontravam centenas de milhares derolos...”, classifica-se como pronome reflexivo e retoma, respectivamente, “uma biblioteca imaginária” e “centenas de milhares de rolos”.

CESPE/UnB – STJ – ANALISTA JUDICIÁRIO – 2012
3- Na linha7 (... biblioteca imaginária, cujos livros...), “cujos” expressa uma relação de posse.

CESPE/UnB – EBC – GESTOR DE ATIVIDADE JORNALÍSTICA – 2011

Texto1
São Paulo, 18 novembro 1925.
Carlos,
Dá-se isto:ontem me apareceu um dos redatores da Noite do Rio aqui em casa e além de me pedir uma entrevista pra tal propôs o seguinte:a Noite organiza um Mês Modernista.
Durante um mês todos os dias o jornal publicará um artiguete de meia coluna assinado por um modernista qualquer. O artiguete poderá ser crítica, fantasia, versos, o que a gente quiser. Pagam 50$ por artigo. Os escolhidos são: ManuelBandeira e Prudente de Morais no Rio, eu e Sérgio Milliet em São Paulo, você e o Martins de Almeida em Minas. Me mande com absoluta urgência uma linha sobre isto falando que aceitam, pra eu dispor as coisas logo. Estou esperando. Ciao.
Mário

Texto2
Belo Horizonte, 20 novembro 1925.
Mário,
Salve. Recebi hoje tua expressa fazendo o amável —e gostoso— convite para escrever umas besteiras na Noite.Aceito. O Martins de Almeida, avisado, também aceitou. Diga para quando é a joça, que estamos prontos.
E desde já te agradeço o reclame e os cobres, pois estou certo que foi você que se lembrou do meu nome.
Depois escreverei mais longamente.
Um abraço forte do
Carlos
4- Os dois textos diferem quanto à colocação dos pronomes átonos: no texto 1, a colocação é livre, alternando-se usosprescritos e não prescritos pela norma culta; no texto 2, a posição dos pronomes átonos está de acordo com a norma culta.
CESPE/UnB – ANALISTA DE CORREIOS (LETRAS) – 2011
5- A colocação pronominal em “caracteriza-se” (Essa revolução caracteriza-se simultaneamente por uma série...) indica a escolha dos autores por um registro mais formal de linguagem; o emprego desse pronome antes da forma verbal, alémde caracterizar desrespeito às regras gramaticais do registro padrão da linguagem, representaria, no contexto, uso inadequado da linguagem, dado o caráter institucional do texto.

CESPE/UnB– CNPQ – ANALISTA CIÊNCIA TECNOLOGIA JR.– 2011
6- Devido à estrutura sintática em que ocorrem,o emprego dos pronomes após o verbo em “ensinou-nos” (A ciência moderna ensinou-nos...) e em “tornar-se” (...aotornar-se...) é obrigatório; por isso, a correção gramatical do texto seria prejudicada se esses pronomes fossem utilizados como em “se constitui” (... só se constitui...).

CESPE/UnB – MPU – TÉCNICO ADMINISTRATIVO – 2010
7- Na linha 10, o deslocamento do pronome "se" para imediatamente após a forma verbal "concretizar"- não deverá concretizar-se -não prejudicaria a correção gramatical do texto.CESPE/UnB – ANTAQ – TÉCNICO EM REGULAÇÃO – 2009
8- O deslocamento do pronome átono para depois do verbo, em "se torna"(Em termos de segurança, a frota se torna um apoio fundamental para...), escrevendo-se torna-se, provocaria erro gramatical no texto.

CESPE/UnB – DPF – AGENTE DA POLÍCIA FEDERAL – 2009
9- Na linha 4, para se evitar a sequência "nós nos",o pronome átono poderia sercolocado depois da forma verbal "fazemos", sem que a correção gramatical do trecho fosse prejudicada, prescindindo-se de outras alterações gráficas.

CESPE/UnB– INSTITUTO RIO BRANCO– DIPLOMATA – 2009
10- No trecho "e que se tornaram imperceptíveis no espaço homogêneo da escrita", seria admissível, de acordo como padrão escrito da língua portuguesa, a
colocação do pronome "se" após a forma verbal...
tracking img