Projeto de pesquisa

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2066 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
INSTITUTO DE DESENVOLVIMENTO EDUCACIONAL DO ALTO URUGUAI – IDEAU

CURSO DE AGRONOMIA










CONTROLE DE INVASORAS NA CULTURA DO MILHO











Alan Battisti
Joelito Jonas Zatti
Josimar Dala Rosa














Getúlio Vargas
Junho de 2012.




















SUMÁRIO


DADOS DEIDENTIFICAÇÃO 3

ASSUNTO: 3

PROBLEMA: 4

OBJETIVO GERAL: 4

JUSTIFICATIVA: 4

REVISÃO BIBLIOGRÁFICA: 6

MATERIAIS E MÉTODOS 8

CRONOGRAMA DE ATIVIDADES 10

ORÇAMENTO / ESTIMATIVA DE CUSTOS 11

REFERENCIAS BIBLIOGRÁFICAS 12














PROJETO DE PESQUISA




DADOS DE IDENTIFICAÇÃO
Titulo:

INTERFERÊNCIA DAS PLANTAS INVASORAS NA CULTURA DO MILHO(Zeamays)

Duração: 12 meses.

Vigência: Maio de 2012 a abril de 2013.

Local de aplicação: Áreas de plantio de milho, região norte do Rio grande do Sul.

Executadores: Alan Battisti, Joelito Jonas Zatti, Josimar Dala Rosa, Acadêmicos do primeiro nível da Faculdade Ideau.

Orientadores: Ricardo Antunes Flores, Mestre em Zootecnia

Palavras- chaves: Plantas Invasoras, Cultivo de milho, Controlede ervas daninhas.

ASSUNTO:

Interferência das plantas invasoras na cultura do milho (Zeamays)

Disponibilizar melhores métodos de controle de ervas daninha na cultura do milho.








PROBLEMA:


A presença de plantas daninhas no milho afeta a produtividade e causa prejuízos significativos, devido à competição com a cultura por agua, luz e nutrientes, alémde dificultar a colheita, reduzir a qualidade do produto e aumentar os seus custos.

OBJETIVOS:


OBJETIVO GERAL:


A produção de milho no cenário nacional vem destacando-se nos últimos anos, sendo que a safra brasileira a cada ano gera milhões de toneladas do produto, porém em seu cultivo as plantas daninhas apresentam-se como um fator de competição e conseqüentemente redução deprodutividade.

Destacar as principais plantas daninhas visando e delimitando os melhores métodos preventivos e de controle dessas plantas infestantes na cultura do milho assim proporcionando maiores níveis de produtividade.


Justificativa:


O Brasil apresenta como uma das suas principais atividades econômicas à agropecuária, sendo que este ramo subdivide-se em diversas áreas deprodução uma delas o cultivo de milho (Zeamays).O milho representa uma das mais importantes culturas da agricultura brasileira, não só no aspecto quantitativo, com uma área plantada de quase 14milhões de hectares (CONAB, 2011).

Esse cereal é uma das principais fontes de alimento para criações, principalmente suínos e aves, quer via ração, quer via silagem de planta inteira e de grãos úmidos,também sendo usado diretamente na alimentação humana. Além disso, serve como matéria prima para uma grande variedade de produtos industriais como óleo, cola álcool bebida, entre outros.


No decorrer de anos vem apresentando níveis de produtividade cada vez mais elevados, esses níveis são consequência do intenso melhoramento genético no intuito de obter híbridos com grande potencialprodutivo, uso também da biotecnologia a fim de obter resistência as mais variáveis adversidades dos ambientes de cultivo (controle ou supressão de pragas). Além desses pontos as elevadas melhorias nas praticas culturais ou também de condução das lavouras, como exemplo a pratica de plantio direto, rotação de culturas e a adequada utilização de fertilizantes vêm ajudando a elevar esses índices deprodução.


Quando chegamos aos patamares de produção apresentados nas ultimas safras, torna-se cada vez mais difícil elevar essas produtividades, sendo que pequenos detalhes devem ser observados, como o controle de invasoras que vem a ser um dos principais fatores relacionados à diminuição do rendimento da cultura do milho principalmente nos estágios iniciais de desenvolvimento.

A...
tracking img