Produto de solubilidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1534 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 6 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA
“JÚLIO DE MESQUITA FILHO”
Campus Rio Claro

RELATÓRIO DE QUÍMICA

Guilherme Emídio Horta Nogueira

Experimento 5 - Produto de Solubilidade

Prof. Dr.. Edério D. Bidoia
Rio Claro
2009

Objetivo

O experimento desenvolvido nessa aula teve como objetivo entender a relação entre solubilidade molar e produto de solubilidade. Teve também como objetivomedir a solubilidade molar do iodato de cálcio em água pura para que fosse determinados seu produto de solubilidade e verificar o efeito de íon comum.

Introdução

É importante ressaltar a distinção entre solubilidade e produto de solubilidade. Solubilidade de um sal é a menor quantidade desta substância que pode ser dissolvida em uma dada quantidade de solvente para que tenhamos umasolução saturada. Produto de solubilidade é o produto das concentrações molares dos íons na solução saturada. A constante de produto de solubilidade, Kps, é denominada constante de equilíbrio porque é igual a um produto de concentração e o sistema está em equilíbrio de solubilidade.
O produto de solubilidade Kps, pode ser escrito como o quociente das concentrações dos reagentes pela concentração dosprodutos:
aA + bB = cC + dD ; o produto Kps será dado por: Kps = [C]c[D]d
[A]a[B]b

Material Utilizado

Produto Químico

• Tiossulfato de Sódio – concentração 0,05 M
• Iodeto de Potássio sólido
• Solução de HCl – concentração 1,0 M
• Solução 0,1% de amido
• Solução aquosa saturadade Iodato de Cálcio
• Solução aquosa saturada de Iodato de Potássio

Outros Materiais

• Bureta de 50 ml
• Pipeta volumétrica
• Pipetador
• Garra para bureta
• Haste metálica
• Termômetro
• Balança eletrônica

Procedimento Experimental

Parte A. Padronização da solução de tiossulfato de sódio.
Foi enchido a bureta com a solução padrão de tiossulfato de sódio e anotado o valorinicial do volume. Foram colocados 50 ml de água em um erlenmeyer de 250 ml e adicionado 0,5 g de KI (iodeto de potássio sólido) agitado suavemente até o sólido ter dissolvido e anotado a temperatura da solução saturada de iodato de cálcio. Foi adicionado 10 ml de HCl de concentração 1 M e em seguida utilizando-se de uma pipeta volumétrica, foi adicionado 10 ml de KIO3 de concentração 0,01M noerlenmeyer. Logo após, rapidamente, foi titulados a solução com o tiossulfato contido na bureta até a solução adquirir cor amarela. Neste ponto, foi adicionado 5 ml da solução 0,1% de amido, o que gerou uma cor azul escuro para a solução e continuo-se a titulação até a solução adquirir uma cor límpida e foi anotado a medida da bureta. Esse processo foi repetido duas vezes.

Parte B.Solubilidade Molar do Ca(IO3)2 em Água Pura.
Foi utilizado o mesmo procedimento descrito na parte A, mas foi substituída a amostra de Ca(IO3)2 de concentração 0,01 M por amostra de 10 ml de solução de iodato de potássio saturada. Esse processo foi refeito duas vezes.

Parte C. A solubilidade Molar do Iodato de Cálcio em Iodato de Potássio 0.01M
Foi utilizado o mesmo procedimento descrito na parte B,titulando duas amostras de 10 ml de solução saturada de Ca(IO3)2 em 20 ml deKIO3 de concentração 0,01 M mais 30 ml de água. Foi anotada a temperatura assim como o volume inicial. Esse procedimento foi feito duas vezes.

Resultados Experimentais

Parte A do experimento

Na tabela 1 é mostrado o valor obtido na padronização da Solução de Tiossulfato de Sódio. Em seguida é apresentado odado para o cálculo da concentração de Na2S2O3. Para cálculo das concentrações, foi utilizado a fórmula:
(V S2O3-2).[ S2O3-2].( 1mol IO-3 )
V IO-3 6 mol S2O3-2

Tabela 1
Concentração da Solução de KIO3: 0,01M
Titulação 1 Titulação 2
Volume de KIO3...
tracking img