Preciso saber se estou indo bem

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 31 (7748 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Livro: Preciso saber se estou indo bem! Um história sobre a importância do feedback – Richard L. Williams (Consultor Especializado em liderança, orientação de desempenho e qualidade de processos) – Editora: Sextante

Feedback eficiente é uma das técnicas mais poderosas de comunicação.

Quando melhoramos nossas habilidades de feedback, estabelecemos um processo de compreensão, respeito econfiança em uma relação.

Ausência de feedback pode fazer com que uma pessoa se sinta rejeitada, baixa produtividade e/ou comportamento inadequado.

Nutrientes Fisiológicos mais importantes para os seres humanos são: ar (alguns minutos), água (alguns dias) e comida (algumas semanas). O quarto elemento fundamental/essencial para a vida é o feedback.

O primeiro contato de Richard com o feedbackfoi na faculdade quando leu o artigo do Dr. Hank Karp “The Lost Art of Feedback”.

Feedback pode ser utilizado tanto no trabalho quanto nas relações pessoais.

Richard preparou um teste de feedback para os alunos dele com dez questões do tipo verdadeiro e falso.

Feedback positivo: reforça um comportamento aprovado.

Feedback Corretivo: indica necessidade de mudança.

Apenas os itens 2 e5 são falsos, os outros são verdadeiros.

A pergunta 3 é a que todos mais erram. Em geral as pessoas relutam em acreditar que dar feedback positivo seja mais importante do que dar feedback corretivo. Somos, em geral, rápidos em apontar os erros dos outros e lentos ao reconhecer os seus acertos. Tanto na vida particular quanto na profissional, temos o hábito de pressionar os outros listando suasfalhas e defeitos.

Quanto a questão 5, acredita-se que cada um deve ser exclusivamente responsável pelos seus próprios atos.

No início Richard se limitava a esclarecer os princípios básicos para se fazer uma avaliação positiva ou corretiva, mas com o passar do tempo formulou a metáfora do “balde de feedback”.

Os ensinamento contidos neste livro são resultado tanto do artigo do Dr. Karpquanto do que Richard aprendeu ensinando nos seus próprios workshops.

Aprender a dar feedback é uma experiência de autoconhecimento.

Todos os personagens são baseados em pessoas que realmente existem.

As habilidades de comunicação essenciais para manter um alto grau de eficiência no trabalho são praticamente iguais àquelas que são necessárias para ser um bom pai/mãe ou marido/esposa.Comentário de um editor: “Não estou certo se este é um livro de negócios que pode ser usado na vida privada, ou se é um livro sobre criar os filhos que tem aplicação nos negócios”. A intenção do autor foi contemplar as duas possibilidades.

Scott esqueceu da reunião marcada naquela manhã com os gerentes da sua divisão. Não queria ir a reunião. Estava com muitos problemas tanto no escritório quantoem casa.
O diretor participou da palestra de uma consultora a dois anos. A consultora começou a palestra com a seguinte frase: “O maior problema que um gerente enfrenta é conseguir que sua equipe...” foram dadas muitas respostas mais a que chamou atenção foi: Que a equipe acerte logo da primeira vez. Muitas vezes a equipe sabe o que fazer, mais o difícil é conseguir que façam o que é precisofazer.

Quando um funcionário sabe o que fazer, como fazer e ainda quando fazer, mas por alguma razão inexplicável resolve não fazer, é preciso descobrir a origem do problema. Neste caso de quem é a culpa?

Tarefa fictícia: Pegar o envelope que o diretor pediu para que Scott pegasse.

A consultora pediu para que nos próximos 60 minutos todos ignorassem Scott totalmente. Durante 60 minutos todoslhe negaram qualquer tipo de feedback. A consultora queria demonstrar o que acontecia no coração de uma pessoa que é privada de todo e qualquer feedback.

Scott percebeu que havia algo errado logo ao entrar na sala, quando ninguém o olhou ou mostrou qualquer tipo de reação. Ele se sentiu péssimo, especialmente no intervalo quando todos o ignoraram.

Feedback: é a base de todas as relações...
tracking img