Politicas de saude no basil

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1004 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
POLÍTICAS DE SAÚDE PÚBLICA NO BRASIL
            No ano de 1900, o novo século prometia avanços na ciência, medicina, no entanto foi marcado por fortes pressões empresariais pela higiene dos portos nos primórdios da industrialização brasileira, devido às epidemias de febre amarela no Rio de Janeiro e em São Paulo, trazendo assim uma péssima imagem do Brasil diante do mercado internacional.            No começo do século XX população pobre desta época sofria muito quando a doença chegava, só dispunha de atendimento filantrópico nos hospitais da Santa Casa de Misericórdia, e as irmãs da caridade, o acesso aos médicos era privilegio de pequena parte da população sendo estes os da classe alta. Com tantas epidemias no Brasil sua economia cai drasticamente manchando o nome do Brasil noestrangeiro, fazendo assim com que imigrantes não venha mais para o Brasil, sem imigrantes não há produção de café, muito menos pessoas para trabalhar nas fabricas.
            Em 1900 foi criado o Instituto Soroterápico Federal, com o objetivo de fabricar soros e vacinas contra a peste. O Presidente Rodrigues Alves, ciente da importância de ter uma capital moderna, estabeleceu como prioridade o saneamentoe a reforma urbana da cidade. Para isso, convidou o engenheiro Pereira Passos para a Prefeitura e o sanitarista Oswaldo Cruz para a Diretoria Geral de Saúde Pública, o que iria inaugurar a nova era para a higiene nacional. Uma das medidas tomada por Oswaldo Cruz foi á limpeza do centro do Rio de Janeiro onde os doentes foram retirados de suas casas e colocados em quarentena, expulsavam osmoradores dos cortiços, em 1904 promoveu a vacinação obrigatória contra a febre amarela o que desencadeou inúmeras manifestações sendo assim derrotado. Já em São Paulo o Dr. Emilio Ribas mora com doentes de febre amarela para provar que a doença não é contagiosa. É terminado as obras de saneamento na cidade de Santos, dirigida pelo Dr. Emilio Ribas sendo assim o porto de Santos não sofrera mais comepidemias.
            No ano de 1917 desencadeia muitas greves operarias que abala as fabricas no Rio de Janeiro e em São Paulo, a gripe espanhola chega ao Brasil e mata milhares de pessoas, em 1919 os grevistas fazem acordo e voltam a trabalhar, os tenentista revoltam e tomam o forte de Copacabana. Em 1923 é promulgada a lei Eloi Chaves que passa a regulamentar o direito a aposentadorias e pensões(Caixas de Aposentadoria e Pensões CAPS), em São Paulo, Geraldo Paula Souza, recém chegado da Universidade de Johns Hopkins onde fez o curso de saúde pública, propõe a substituição das ações policiais e compulsórias por ações de natureza social e educativa, substituindo os guardas, inspetores e delegados por educadores sanitaristas e médicos sanitaristas. Em 1924 São Paulo é bombardeado os tenentesquerem reformar o país, os revoltosos chegam ao Rio de Janeiro e Getulio Vargas toma posse do Brasil como presidente.
            Em 1930, em sua cerimônia de posse, Getúlio Vargas centraliza e unifica, por decreto presidencial, as Caixas de Aposentadoria e Pensões e convoca, em seguida, a Constituinte de 1934. São criados, nesse contexto, os Institutos de Aposentadoria por categoriaprofissional os (IAPS), que passam a garantir assistência médica e aposentadoria aos trabalhadores. Para manter é retirado um percentual do salário do contribuinte, no entanto os recursos do IAPS foram sempre aplicados pelo governo no financiamento da industrialização do país.
            As tensões dos movimentos operários, a organização nacional do Partido Comunista Brasileiro, a liderança de Luiz CarlosPrestes e a Aliança Libertadora Nacional precipitam o fechamento do Congresso Nacional e o advento do Estado Novo. É criado o Ministério do Trabalho, que passa a gerir os IAPS. No entanto, os recursos do IAPS acabam investidos em projetos de riscos para o empresariado: em ações preventivas do Serviço Especial de Saúde Pública (SESP), criado por acordo Brasil- Estado Unidos, é responsável...
tracking img