Plano de emergencia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1916 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
PLANO DE EMERGÊNCIA

Plano de Ação

É um conjunto de ações planejadas para um previsto evento especial (não rotineiro e não emergencial), com cronograma predefinido. O plano apresentará a seqüência padronizada das ações, a serem aplicadas definindo: Quem faz? O que? Quando? Como?

Plano de Contingência
É um Plano de Ação sem cronograma previsto criado para atender possíveis incidentes ouocorrências. Pela incerteza quanto da sua concretização, o Plano é baseado em Análise de Riscos. É criado para cada ameaça real ou potencial, definindo a pronta resposta que visa minimizar perdas, a rápida volta para a rotina e à continuidade dos negócios. O mesmo deve se comunicar com o sistema funcional para combater a ocorrência, sistema de hierarquia e delegação de autoridade em caso deincapacidade de um dos componentes, sistema de comunicação interna (com os colaboradores) e externa (com os órgãos públicos e a imprensa) usando sistemas convencionais, rede celular e a rede da Internet para a transmissão e recebimento de mensagem.

Ação Emergencial e Administração de Crises:
    
Conceitos:
Emergência: “Uma combinação imprevista de circunstâncias, que exigem ação imediata”.
Crise:“Dificuldade acentuada que poderá ser debelada com ações específicas.”
Riscos Naturais:
1) Incêndios
2) Explosões
3) Desabamentos
4) Epidemias
5) Vendavais, raios...
6) Terremoto, maremoto...
 Riscos Provocados por Ação Humana:
1) Sabotagem
2) Greves e paralisações
3) Ação de guerrilhas
4) Atentados terroristas
5) Convulsão social
6) Distúrbios civis
Objetivos de uma OperaçãoEmergencial e de Administração de Crises:
1) Enfrentar a situação
2) Operar em condições anormais
3) Restabelecer a normalidade
Método de Ação:
1) Educação preventiva
a) Programa de treinamento
b) Estabelecimento de metas
c) Conscientização
 2) Coleta e análise de informações
a) Análise de riscos
b) Investigações
c) Canal de comunicação com forças de segurança (polícia, bombeiros, defesacivil...)
3) Operações:
a) Formação de uma Brigada de Emergência
b) Administração de recursos humanos e materiais
c) Coordenação com forças militares, policiais e de Defesa civil.
Metodologia operacional em ação emergencial e em administração de crises:
a) Estabelecimento de um “comando”
b) Criação de uma “central de operações”
c)  Prioridades para vidas humanas
d) Primeiros socorrose) Ação da defesa civil
f)  Recuperação material


Planta Baixa da Empresa com suas divisões por setores.
 
FRENTE DA EMPRESA
[pic]
FUNDOS - ESTACIONAMENTO E GARAGEM DOS CARROS DA EMPRESA
 
[pic]

























































Mapa de Rota de Fuga
É um mapa que representa, através de símbolos apropriados, otrajeto a ser seguido pelo indivíduo no caso de necessidade urgente de evacuação do local, em função de incêndio, desabamentos ou outros casos fortuitos.
A falta de indicadores de rotas de evacuação poderá ocasionar situações de pânico em emergências, onde o fator tranqüilidade é preponderante para a prevenção de acidentes graves.
 O planejamento das Rotas de Fuga deverá ser bem elaborado,levando-se em consideração as diretrizes da NR-23 do MTE e outras que venham a facilitar a saída dos indivíduos dos locais atingidos.
[pic]
Como agir no caso de Chuvas

Antes:
Não jogue lixo nos bueiros (boca de lobo), para não obstruir o escoamento da água;
Não jogue lixo ou entulho no córrego, para não obstruir a passagem da água;
Não construa próximo a córregos que possam inundar;
Não construaem cima de barrancos que possam deslizar, carregando sua casa;
Não construa embaixo de barrancos que possam deslizar, soterrando sua casa.
Durante:
Se o nível de água estiver subindo, vá com sua família para um lugar seguro;
Não deixe crianças brincando na enxurrada ou nas águas dos córregos, pois elas podem ser levadas pela correnteza ou contaminar-se, contraindo graves doenças, como...
tracking img