Plano Cruzado E Cruzado Novo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (286 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de maio de 2015
Ler documento completo
Amostra do texto
Plano Cruzado:
O Plano Cruzado foi um plano lançado no governo de José Sarney, um plano econômico. Foi criado em 1986 pelo ministro da fazenda Dilson Funaro, o Brasil vivia umgrande estado de euforia, com grandes inflações, eleições, escassez de alguns produtos...
As principais medidas tomadas pelo Plano Cruzado foram:
- A moeda corrente brasileira, queera o cruzeiro, foi transformada em cruzado. (O cruzado valia 1000 vezes mais)
- Congelamento dos preços de produtos e salários por um ano.
- Antecipação do Salário Mínimo.(O governo garantia a antecipação de parte do salário mínimo visando assim estimular o consumo).
- Correção automática do salário para acompanhar a inflação.
O plano foi um fracassodevido:
- Nos primeiros meses houve o controle inflacionário com o congelamento de preços;
- Alguns meses depois, começou a faltar mercadorias nos supermercados. Como não podiam reajustaros preços, muitos empresários e fazendeiros resolveram não colocar seus produtos a venda. O resultado foi o desabastecimento no país.
- No final de 1986, o Plano Cruzado deixou defuncionar e a inflação voltou a crescer.

CRUZADO NOVO:
Tentando reverter a situação de fiasco do plano Cruzado, foi feito o Cruzado Novo. A moeda fazia parte do “Plano Verão” queteve inicio 16 de janeiro de 1989. O Presidente do Brasil dessa época ainda era José Sarney.
O plano trazia três medidas basicamente, buscando frear crise inflacionária: mudava orendimento das cadernetas, insistia no congelamento dos preços e criação da moeda cruzeiro novo. A medida de conversão seguiu o padrão das outras moedas: 1000 Cruzados equivaliam a 1Cruzado Novo.
O Plano, assim como o outro, foi um fracasso. Além de não conseguir lidar com a inflação, foi o responsável por grande alterações em valores de cadernetas da época.
tracking img