Pib 2009

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1382 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Comunicação Social 11 de março de 2010

Contas Nacionais Trimestrais-Indicadores de Volume e Valores Correntes Em 2009, PIB varia -0,2% e fica em R$ 3.143 bilhões

Em relação ao terceiro trimestre de 2009, o PIB (Produto Interno Bruto)1 a preços de mercado do quarto trimestre do ano passado cresceu 2,0%, levando-se em consideração a série com ajuste sazonal2 . A indústria registrou o maioraumento (4,0%), seguida pelos serviços (0,6%) e pela agropecuária (0,0%). Na comparação com o quarto trimestre de 2008, o PIB cresceu 4,3%, sendo que o valor adicionado a preços básicos3 aumentou 3,9%, e os impostos sobre produtos, 6,2%. Dentre as atividades econômicas, destacaram-se os serviços (4,6%) e a indústria (4,0%), enquanto a agropecuária teve queda (-4,6%). No acumulado no ano de 2009, emrelação ao mesmo período de 2008, o PIB variou -0,2%, resultado da taxa de -0,1% para o valor adicionado e da redução de 0,8% nos impostos. Nessa comparação, a agropecuária (-5,2%) e a indústria (-5,5%) tiveram quedas, enquanto os serviços (2,6%) cresceram. Assim, segundo as informações das Contas Nacionais Trimestrais4, em 2009, o PIB em valores correntes alcançou R$ 3.143 bilhões. Como em 2009,a população brasileira cresceu 0,99%, o PIB per capita5 ficou em R$ 16.414, sofrendo uma queda de 1,2%, em volume, em relação a 2008. Principais resultados do PIB a preços de mercado do 4º trimestre de 2008 ao 4º trimestre de 2009

Em relação ao 3º tri de 2009, indústria é atividade que cresce mais O PIB cresceu 2,0% na comparação do quarto trimestre contra o terceiro trimestre de 2009, sendoque as variações por atividade econômica foram: indústria, 4,0%; serviços, 0,6%; e agropecuária, 0,0%. Entre os componentes da demanda interna, a formação bruta de capital fixo (FBCF, ou investimento) teve a maior alta (6,6%), seguida pela despesa de consumo das famílias (1,9%) - indicador que cresce desde o primeiro trimestre de 2009 (0,2%) - e pela despesa de consumo da administração pública(0,6%). Pelo lado do setor externo, tanto as exportações (3,6%) como as importações de bens e serviços (11,4%) registraram crescimento. Em relação ao mesmo trimestre do ano anterior, FBCF tem primeiro aumento do ano Na comparação do quarto trimestre de 2009 com o quarto trimestre de 2008 (variação do PIB = 4,3%), a taxa negativa da agropecuária (-4,6%) pode ser, em grande parte, explicada pelodesempenho de alguns produtos que possuem safra relevante no período6, caso do trigo e da laranja, que tiveram quedas de produção no ano, de 16,0% e 0,3%, respectivamente. As estimativas para a pecuária e a produção da silvicultura e da exploração florestal apontam também um fraco desempenho no quarto trimestre de 2009. Na atividade industrial (4,0%), o destaque foi o crescimento de 5,6% da indústriaextrativa mineral, explicado principalmente pelo aumento de 5,7% na produção de petróleo e gás. Em seguida veio a indústria de transformação (4,7%). A construção civil cresceu 2,5%, beneficiada pelo aumento das operações de crédito direcionadas à habitação; enquanto eletricidade e gás, água, esgoto e limpeza urbana aumentou 1,4%. Entre os serviços (4,6%), os maiores destaques foram para intermediaçãofinanceira e seguros (8,5%); comércio (8,1%); e transporte, armazenagem e correio (5,4%), os dois últimos influenciados pelo desempenho da indústria. As demais variações foram as seguintes: outros serviços, 3,5%; administração, saúde e educação pública, 3,2%; serviços de informação, 2,1%; e serviços imobiliários e aluguel, 1,5%. Dentre os componentes da demanda interna, o maior destaque foi ocrescimento de 7,7% da despesa de consumo das famílias - o 25º seguido nessa base de comparação -, influenciado pela continuidade do aumento da massa salarial real e do crédito para as pessoas físicas e pelo fato de a base de comparação ser o quarto trimestre de 2008. A despesa de consumo da administração pública cresceu 4,9%, e a formação bruta de capital fixo, após três trimestres de queda,...
tracking img