Pet glamour

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1957 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
E.E.profº. Dr.Oscar de Moura Lacerda
Sociologia.

Nome: Nº serie:
Nome: Nº serie:
Nome: Nº serie:
Nome: Nº serie:
Nome: Nº serie:
Ribeirão Preto, SP
06/2012

Consumo
O consumo é a atividade que consiste na fruição de bens e serviços pelos indivíduos, pelas empresas ou pelo governo, e que implica a posse e destruição material (no caso dos bens) ou imaterial(no caso dos serviços). Constitui-se na fase final do processo produtivo, precedido pelas etapas da produção, distribuição e comercialização.
Consumo privado
É realizado pelas familias e pelas empresas pertencentes à iniciativa privada, que como agente econômico, utilizam orendimento que obtêm na atividade produtiva para comprar bens e serviços necessários à satisfação de suas necessidades, taiscomo: alimentação, vestuário, habitação, divertimentos e outros.
Consumo público
É o consumo que não se restringe às familias, mas sim à Administração Pública. A Administração Pública consome bens e serviços necessários à sua atividade.
Modelos de consumo
John Maynard Keynes ( 1936) - modelo usado para explicar os factores de influência na evolução dos sistemas económicos. Considera oinvestimento como motor do progresso e que corresponde à propenção a consumir, manifestação directa do dinamismo do consumidores. O seu modelo põe em evidencia três tendências fundamentais:
* o incitamento a investir;
* a preferência pela liquidez propensão a consumir
O seu sistema económico está determinado por duas grandes categorias de factores: os dados e as variáveis. Vejamos:
1- Dadosclassificados em sete grupos e com referência a uma dimensão psicológica:
a. Volume e qualificação da mão-de-obra;
b. Quantidade e qualidade dos elementos disponíveis;
c. Nível tecnológico
d. Intensidade da competência;
e. Gostos e hábito dos consumidores;
f. Atitudes dos produtores face ao trabalho;
g. Estrutura social em geral;

2- As variáveis independentes e dependentes:
a. Variáveisindependentes:
i. Análise económica;
ii. Propensão a consumir;
iii. A curva da eficacidade marginal do capital;
iv. Taxa de interesses.
b. Variáveis dependentes:
i. Volume de emprego;
ii. Produto nacional medido em unidades de salário;

George Katona – os gastos importantes são do tipo discricional e estão sujeitos a verdadeiras decisões, em contraste com a ideia de comportamento habitual.Os gastos não são respostas de tipo automático às alterações de valor nos índices económicos, como, por exemplo, os ganhos obtidos. Não é suposto que a um ganho maior correspondam maiores gastos e vice-versa. Há ocasiões em que os gastos superam os ganhos e outras em que maiores ganhos provocam maior poupança. Para Katona, a alternativa encontra-se nas expectativas, que não são mais do que umasubclasse das atitudes que se projectam no futuro e implicam selectividade. Podemos esquematizar a sua teoria da seguinte forma:

C P  S
↓    ↑
←←←←←
S – Corresponde às condições e situações económicas objectivas, tais como recessão, taxa de desemprego, inflação, etc.
P – Corresponde às características pessoais dos agentes económicos, tais como as aspirações, as expectativas e os estilos devida.
C – Corresponde aos comportamentos de compra, a utilização e disposição de bens e serviços.

O consumidor influencia as flutuações económicas através dos gastos ou poupanças que faz.
O que é consumo sustentável
Diante da constatação da crise ecológica atual e a culpa também do consumo, surge a ideia do consumo sustentável.
O consumo sustentável baseia-se na ideia de que o planeta nãopode suportar os velhos padrões utilizados nas últimas décadas para a extração, produção, comercialização e descarte de bens.
Quando fala-se sobre consumo sustentável, sabemos que as pessoas não vão parar de consumir mas precisam fazer isso de forma muito mais consciente e também reduzindo o seu consumo.
Consumir de maneira sustentável significa consumir melhor e menos levando em consideração os...
tracking img