Perigos biologicos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1291 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de setembro de 2014
Ler documento completo
Amostra do texto
SEMINARIO
GRUPO 01:
Tema: Perigos Biológicos - Parasitos
Devem ser abordados os principais parasitos:
Entamoeba histolytica
Giardia lamblia
Toxoplasma gondii
Taenia saginata
Ascaris lumbricoides
Tópicos para pesquisa: Modo de transmissão, sinais e sintomas, fontes alimentares onde se encontram esses parasitas, fatores que contribuem para a ocorrência de surtos.

INTRODUÇÃO:
Osperigos biológicos de origem alimentar incluem microrganismos como bactérias, vírus e parasitas. Estes microrganismos estão frequentemente associados a manipuladores e produtos crus contaminados num estabelecimento. Muitos destes microrganismos ocorrem naturalmente no ambiente onde os alimentos são produzidos. Vários são inactivados pela cozedura, e muitos podem ser controlados por práticas adequadasde manipulação e armazenamento (higiene, controlo de temperatura e tempo)

Um dos agentes representa maior risco à segurança dos alimentos são os os parasitas, em geral, específicos para cada hospedeiro animal e podem incluir o Homem no seu ciclo de vida. As infestações parasitarias estão associadas, principalmente, com produtos mal cozidos ou alimentos prontos para consumir contaminados. Ocongelamento pode matar os parasitas encontrados em alimentos tradicionalmente consumidos crus, marinados ou parcialmente cozidos.
Dentre os protozoários mais importantes em medicina humana, comumente veiculados por alimentos e água, destacam-se: Entamoeba histolytica, Giardia lamblia, Toxoplasma gondii, Taenia saginata, Ascaris lumbricoides.

SOBRE OS PROTOZOÀRIOS:
- Entamoeba histolytica: Esseprotozoário, habitante do intestino grosso humano, pertence ao sub-filo Sarcodina, tendo forma amebóide e locomovendo-se através de pseudópodos. Caracteriza-se por apresentar uma fase de vida comensal, por isso 90% dos casos de amebíase são assintomáticos, entretanto o parasito pode ser tornar patogênico, provocando quadros disentéricos de gravidade variável. A amebíase assintomática costumaocorrer mais no centro-sul do país, enquanto a sintomática ocorre com mais freqüência na região amazônica.
- Modo de transmissão: O homem se infecta ao ingerir cistos presentes na água ou nos alimentos contaminados.
- Sinais e sintomas: Com a mucosa intestinal inflamada, o paciente manifesta febre, dor abdominal prolongada, diarréia com posterior disenteria (fezes com muco, pus e sangue), distensãoabdominal e flatulência. Em casos mais graves, pode ocorrer anemia, necroses extensas da mucosa, colite ulcerativa, apendicite, perfuração intestinal e peritonite. Os trofozoítos podem chegar a outros órgãos através da circulação, especialmente ao fígado, onde provocam a formação de abcessos e o desenvolvimento de um quadro freqüentemente fatal.
- Fontes alimentares onde se encontram essesparasitas:

- Fatores que contribuem para o ocorrência de surtos: Locais sem saneamento básico, os viajantes que têm como destino áreas endémicas, que consomem água não tratada e alimentos crus, como frutas e legumes.
Giardia lamblia: É a infecção ou doença causada pelo protozoário Giardia lamblia (sinonímia: G. intestinalis, G. duodenalis e Lamblia intestinalis). Este protozoário tem comohabitat o intestino delgado, vivendo no duodeno e na porção inicial do íleo.
- Modo de transmissão: Ingestão de cistos maduros do parasito em água ou alimentos contaminados com fezes. Pode também ocorrer transmissão sexual devido a contato oral-anal; por meio das mãos contaminadas com material fecal que podem reter os cistos, sobretudo sob as unhas e, transporte mecânico de cistos por insetos.

-Sinais e sintomas: Náuseas, vômitos, dor abdominal, constipação intestinal, irritabilidade, anorexia, fadiga, flatulência e perda de peso. A esteatorréia crônica pode levar a desnutrição pela deficiência e perda das vitaminas lipossolúveis (A, D, E, K), vitamina B12 e ácido fólico, ácidos graxos e proteínas.

- Fontes alimentares onde se encontram esses parasitas:


- Fatores que contribuem...
tracking img