Performace musical

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 15 (3734 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
voltar

CARDASSI, Luciane - PISANDO NO PALCO: PRÁTICA DE PERFORMANCE E PRODUÇÃO DE RECITAIS

PISANDO NO PALCO: PRÁTICA DE PERFORMANCE E PRODUÇÃO DE RECITAIS
Luciane Cardassi (UFRGS) Desde o início de 1999, quando ingressei no Departamento de Música da Universidade Federal do Rio Grande do Sul como professora substituta de piano, venho refletindo sobre qual seria a melhor maneira de orientar osalunos de instrumento na preparação de seus recitais. Refiro-me aqui não à orientação técnico-interpretativa, que ocorre nas aulas individuais de instrumento, mas a todo um complexo de questões, principalmente psicológicas, que envolvem o músico durante as semanas ou meses que precedem seus recitais. Com base na bibliografia sobre o assunto e na minha experiência pessoal como pianista, organizeientão um curso de extensão universitária intitulado “ Pisando no Palco Prática de Performance para Músicos e Produção de Recitais” , que foi oferecido durante o segundo semestre de 1999 no Departamento de Música da UFRGS. Durante cinco encontros foram abordados temas relativos à produção e divulgação de um recital, concentração e controle da ansiedade, além de outros assuntos como organização de umportfólio e preparação para entrevistas na mídia. O número de inscritos superou todas as expectativas, e isto não é senão um reflexo das várias lacunas que ainda existem na preparação dos futuros músicos profissionais na área de performance. Muitos são os desafios encontrados pelo intérprete em início de carreira, além dos desafios musicais propriamente ditos. Raramente ele dispõe, por exemplo, deuma equipe de produção e divulgação de recitais. O que acontece na maioria das vezes é que o próprio músico, desejando que seu recital saia a contento, acaba assumindo também outras funções, para as quais ele nem sempre está suficientemente preparado. Mesmo no caso da produção do recital ser feita por profissionais, algum conhecimento sobre o assunto poderá trazer ao músico, no mínimo, umaconfiança maior no resultado do trabalho, e, conseqüentemente, uma diminuição da ansiedade de performance. O presente artigo tem como objetivo discutir os assuntos abordados durante o curso “ Pisando no Palco - Prática de Performance para Músicos e Produção de Recitais” . O curso foi dividido em três grandes unidades: 1. Antes do Recital; 2. Durante o Recital; e 3. Depois do Recital. Dentro de cada unidadeos assuntos foram agrupados em quatro áreas: preparação artística, psicológica, física e organizacional1. 1. ANTES DO RECITAL 1.1. Preparação Artística A definição do programa de estudo é o primeiro passo para a realização de um recital. Quando se trata de músicos em início de carreira, o que acontece normalmente é que o professor assume a tarefa de escolher o programa mais adequado para cadaaluno, em determinada etapa de aprendizado. Mesmo nesse caso, a participação do aluno na decisão final do programa é vital para o bom resultado do trabalho, já que é ele que irá conviver
1

Esta nomenclatura foi utilizada por Roland (1998).
251

ANAIS DO I SEMINÁRIO NACIONAL DE PESQUISA EM PERFORMANCE M USICAL

durante horas diárias com esta ou aquela música. No caso de músicos profissionais, adecisão sobre o repertório de cada recital também é a primeira a ser tomada. A fase de produção de um recital tem início, portanto, com a definição do programa. Entendese aqui por produção toda a organização do evento, seja no que se refere ao material gráfico, ao auditório, aos instrumentos ou a qualquer outro tema relacionado ao evento. A escolha do programa do recital revela a intenção dointérprete. Podemos traçar um paralelo entre essa fase de preparação para o recital e a fase de pré-composição de uma obra musical. Ao refletir sobre a forma geral de uma peça, e os materiais musicais que serão manuseados durante a composição, o compositor toma decisões que alicerçam todo o trabalho composicional posterior. A intenção subjacente a essas decisões composicionais iniciais podem ficar mais...
tracking img