Patologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2592 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Manifestações da Persona e Sombra em perfis fakes
Bruna Valdez Bizzotto e Ivelise Fortim
FACHS-PUC-SP

Resumo: O trabalho visa abordar o fenômeno dos perfis fakes, sendo esses
quaisquer páginas pessoais na web (profiles em redes sociais como o facebook,
blogs e flogs) cuja identidade de seu idealizador não corresponde à expressa
em seu perfil. O objetivo é compreender o que mantém osjovens produzindo
esse tipo de perfil e as causas de sua popularidade, ou seja, o porquê não só
desses perfis serem criados como também a razão de serem acompanhados
pelos internautas.
No presente artigo contamos com uma revisão teórica e amplificação
simbólica, a partir da animação japonesa “ Perfect Blue”, sob a ótica da
Psicologia Analítica de Carl Gustav Jung.

Palavras

chave:Adolescência

Fake;

Internet;

Redes

sociais;

Persona;

Sombra;

Introdução

O crescente avanço tecnológico propicia cada vez mais o uso irrestrito
da web, conectando as pessoas umas as outras. O público adolescente é
responsável por boa parte dos acessos à internet, sendo que segundo
pesquisa feita pela Safernet 1 em 2008, o número de usuários na web com
idade entre 12 e 17 anoscresceu 5,8% em relação ao ano anterior, sendo que
as redes sociais são o conteúdo mais acessado pelos jovens (80%).
Redes sociais são sites como o Facebook e Orkut nos quais o usuário
pode criar um perfil para si mesmo disponibilizando informações pessoais
como lugar onde mora, sexo, idade, instituições de ensino, interesses e tipo de
relações que procura estabelecer nesta rede (românticos,profissionais, etc).
Além disso, é possível postar conteúdo de multimídia nos sites, como vídeos e
fotos, sendo que a partir de seu perfil, o usuário conecta-se a páginas pessoais
de outras pessoas, e com elas interage por intermédio do site.
O crescente número dos perfis fakes vem chamando a atenção de tal
modo que redes como o Twitter criaram artifícios como o selo de certificação
paragarantir que determinados perfis são legitimos. Alguns fakes tornaram-se
notórios por praticarem vandalismo na web, distribuindo vírus e ofensas em
comunidades virtuais, enquanto que outros adquiriram fama por sua
comicidade, como no caso do fake de Steve Jobs. Por conta do grande número
de perfis fakes de celebridades, a mídia voltou sua atenção para este
fenômeno. A revista “O Globo” do Rio deJaneiro , em 2010 publicou uma
matéria levantando a questão sobre os perfis fictícios de famosos : tratam-se
de brincadeiras de fã ou crime de falsidade ideológica?
O presente trabalho trata-se de uma pesquisa teórica, realizada em duas
etapas: (i) uma revisão teórica, e (ii) uma amplificação simbólica da animação
japonesa “Perfect Blue”, sob a ótica da Psicologia Analítica. Na animação, apersonagem principal “Mima” apresenta muitos comportamentos semelhantes
aos descritos pelos autores na revisão teórica.
A literatura aponta diversos pontos em comum, primeiro no que se refere
à facilidade proporcionada pela internet na construção de uma identidade

1

Ong que pesquisa o uso de internet por crianças e adolescentes

destoante da verdadeira uma vez que na web os fenômenosda

desincorporação e desterritorialização permitem que o usuário defina a si
mesmo na mais irrestrita das formas (Moccelim; 2007; Lobo,2009; Smith, 2008).
Na vida offline somos reconhecidos e nos fazemos reconhecer por meio de
nossos corpos, de forma que invariavelmente apresentamos determinadas
características que já nos enquadram e inserem em determinado lugar, bem
como falamos de algumlugar no sentido territorial da expressão, tendo este
território também algo a dizer sobre nós. Na web por sua vez o internauta pode
escolher por completo como os outros o verão ao fazer a seleção dos
componentes de seu perfil online, sendo que o território a partir do qual fala é a
ampla web, caso este não o identifique em seu perfil.
Se pensarmos na própria multiplicidade envolvida na...
tracking img