Outsourcing no giraffas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1903 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO

A rede Giraffas nasceu como uma lanchonete de sanduíches, sucos e sorvestes em Brasília, mas conquistou o resto do país ao incluir arroz e feijão no cardápio. Todo o processo de preparação dos alimentos é terceirizado, mas os produtos são desenvolvidos com receitas especiais elaboradas para o Giraffas. No início, toda a produção e a logística eram realizadas pelo Giraffas. Oprocesso de terceirização implantado em 1998 foi um dos responsáveis pelo crescimento da Rede, atualmente com 199 pontos de venda em 10 Estados e no DF.

A empresa foi escolhida pelo fato de possuir em sua estratégia de mercado um dos exemplos claros da prática de outsourcing em seu sistema operacional. Assim será possível desenvolver um trabalho de pesquisa exploratória em que poderemosidentificar o conceito, vantagens e processos da prática de outsourcing.

REFERENCIAL TEÓRICO

Outsourcing é um processo de administração pelo qual se transferem algumas atividades para terceiros, com os quais se estabelecem uma relação de parceria, ficando a empresa concentrada apenas em tarefas essencialmente ligadas ao negócio em que se atua (GIOSIA, 1993, p. 16). O autor comenta aindasobre os quatro motivos que levam as empresas a terceirizarem: primeiro, porque é saudável, revisando sua “saúde” interna, garantido resultado e motivando o corpo funcional; segundo, porque a empresa pode voltar-se totalmente para a sua atividade principal; terceiro, a missão básica é apressada diante das operações que a levem a se adequar ao novo modelo organizacional e, finalizando, no quarto,motivo, a terceirização permite uma visão estratégica, levando em consideração que uma nova filosofia e a revisão da missão e valores permanentes poderão ser necessárias.
O conceito de outsourcing já foi amplamente debatido por diversos autores. Destaca-se a seguir as concepções de alguns deles:
Para Queiroz (1998, p. 53),apud Araújo (2000)
A terceirização é uma técnica administrativa quepossibilita o estabelecimento
de um processo gerenciado de transferência, a terceiros, das atividades acessórias e
de apoio ao escopo das empresas que é a sua atividade-fim, permitindo as esta se
concentrarem no seu negócio, ou seja, no objetivo final.
Amato Neto (1995, p. 36) apud Araújo(2000) refere-se a terceirização como
sendo:
O ato de transferir a responsabilidade por um determinadoserviço ou operação/fase
de um processo de produção ou de comercialização, de uma empresa para outra (s) ,
neste caso (s) como terceira (s). Nesta forma, a empresa contratante deixa de realizar
alguma ou várias atividades cumpridas com seus próprios recursos (pessoal,
instalações, equipamentos, etc.) e passa as para empresa (s) contratada (s).
Existem algumas vantagens que as empresas podemter ao terceirizar as atividades:

• Estrutura administrativa mais simplificada;

• Mais participação e empenho nas atividades-fim da empresa;

• Concentração dos talentos no negócio principal da empresa;

• Redução de Custos;

• Maior gestão do pessoal e das tarefas;

• Possibilidade de rescisão do contrato conforme condições preestabelecidas;

• Controleda atividade terceirizada por conta da própria empresa;

• Menores despesas com aquisição e manutenção, máquinas, aparelhos uniformes;

• Ampliação de mercado para empresas de pequeno porte.

Para Miraglia (2008), a prestadora de serviços escolhe o terceiro, que será responsável por desempenhar a função contratada pela empresa-cliente, sujeitando o trabalhador terceirizado ao seupapel diretivo. Também há alguns fatores restritivos ou desvantagens que este tipo de contratação pode acarretar:

• Risco de desemprego e não absorção de mão de obra na mesma proporção,

• Falta de parâmetros de custos internos;

• Perda da Identidade cultural da empresa, longo prazo, por parte dos funcionários;

• Mudanças na estrutura do poder;

• Perca do...
tracking img