Oracle

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 34 (8308 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Índice

• 1ª aula: Conceitos

1. Banco de Dados Relacional
2. Banco de Dados Cliente Servidor
3. Estrutura de Segurança
1. DBA Default (System/Manager)
2. Usuário – Papel – Privilégio
4. Organização dos Dados
1. Área de Dados
2. Meta Data5. Linguagem SQL
1. Breve Histórico
2. DML (Data Manipulation Language) Linguagem de Manipulação de Dados
3. DDL (Data Definition Language) Linguagem de Definição de Dados

• 2ª aula: DDL

1. Criar Usuário
2. Criar Papel
3. Conceder Privilégio
4. Criar Tabelas(PL/SQL ou Navigator)
5. Criar View
6. Criar Chave Estrangeira
7. Criar Índices
8. Criar Sequência
9. Criar Sinônimo
10. Acessar e Visualizar as Estruturas (Tabelas)


• 3ª aula: Estrutura C/S e Aprofundamento PL/SQL

1. Procedures
2. Funções
3. Trigger4. Package
5. Utilizar Objetos
6. Controle de Transação(Commit / Rollback)




• 4ª aula: Conexão / Exportação / Importação

1. SQL Net - Conceito
2. SQL Net – Criar Alias (Link)
3. Conexão ODBC – Criar Alias
4. Conexão BDE(Borland) - Criar Alias
5. Exportar Banco deDados(Projeto) - Personal Oracle
6. Importar Banco de Dados - Server
7. Executar Script
8. Recriar Sequência no Servidor


• 5ª aula: Projeto Front-End

1. Criar Conexão (Table / View )
2. Utilizar Procedure / Function


ARQUITETURA CLIENTE/SERVIDOR





















Exemplosimples de Arquitetura Cliente/Servidor baseada em Rede



BANCOS DE DADOS BASEADOS NA ARQUITETURA CLIENTE/SERVIDOR:


Uma simples rede (LAN), como a exemplificada acima, é suficiente para comportar um banco de dados relacional (DBMS) de tecnologia Cliente/Servidor (C/S) como por exemplo o Oracle.
Em linhas gerais, esta tecnologia tem como característica principal a divisão detarefas entre o cliente, a estação de trabalho que ordena através das aplicações o acesso aos bancos de dados, e o servidor, que executa tarefas, tais como: atualizações, deleções, procura de dados e todas as outras tarefas próprias do gerenciamento de banco de dados, porém, sob as ordens da estação de trabalho (Cliente).
A vantagem é evidente: dividindo o processamento em dois sistemas, temos desaída a diminuição do tráfego de dados na rede. Com isto, o desempenho aumenta pois evitaremos de processar os dados, fazendo-os transitar pela rede, entre a estação de trabalho e o servidor, pelo menos duas vezes. Ao invés disso, armazenamos os dados variáveis do processo em alguns parâmetros e os enviamos ao servidor. Estes ao chegarem são recepcionados pelo Oracle que os envia para StoredProcedure, que então inicia o processamento desejado até seu final de dentro do servidor, limitando-se a avisar a estação de trabalho o término do processo, com sucesso ou não.
Porém, nem tudo são flores, existem também as desvantagens e a principal delas é o fato das estações de trabalho (Clientes) se localizarem em pontos geográficos distantes do servidor.
Embora este problema possa hoje serminimizado pela adoção das arquiteturas de processamento distribuído, por outro lado não sem um considerável investimento em equipamentos, aplicativos auxiliares e a contratação de especialistas. Este investimento acompanhado de despesas de manutenção constantes embora não signifique propriamente um retorno aos custos de um computador de grande porte, é porém um gasto significativo e que dependendo do...
tracking img