Nucleo interfasico

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2991 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Núcleo Interfásico

Dra. Maria Izabel Gallão

• célula Procarionte e Eucarionte. • o DNA possui grande parte da informação genética; mitocôndria e cloroplasto. • Núcleo como controlador do metabolismo celular. • DNA → RNA → proteína • o ciclo de vida das células é divido em duas fases: • - Interfase • - Mitose • DNA → DNA (replicação) • DNA → RNA (Transcrição) → PROTEÍNA (Tradução)
Dra.Maria Izabel Gallão

Forma
• células prismáticas – alongadas • células poligonais – esféricas

Dra. Maria Izabel Gallão

Linfócito

Monócito

Neutrófilo
Dra. Maria Izabel Gallão

Tamanho
• varia com o metabolismo e conteúdo de DNA.

Dra. Maria Izabel Gallão

Envoltório Nuclear (EN)
• separa núcleo do citoplasma. • ME

Dra. Maria Izabel Gallão

Dra. Maria Izabel Gallão Composição química
• constituído por duas membranas → 5-6 nm de espessura. • membrana lipoprotéica

Dra. Maria Izabel Gallão

Dra. Maria Izabel Gallão

Estrutura
• 2 unidades de membrana • membrana interna → lâmina nuclear • membrana externa → com ribossomos, continuidade com o REG. • cisterna perinuclear contém as mesmas proteínas presentes nas cisternas do RE. • EN é uma porçãoespecializada do RE.
Dra. Maria Izabel Gallão

Envoltório Nuclear MET

Dra. Maria Izabel Gallão

Dra. Maria Izabel Gallão

Poros
• as membranas do EN são interrompidas por poros que se formam com a fusão da membrana interna e com a membrana externa. • quantidade de poros varia com o tipo de célula e com o seu estágio funcional, ex: • - células embrionárias → alta atividade de sínteseprotéica → maior quantidade de poros. • - espermatozóide maduro → célula com baixa atividade metabólica → menor quantidade de poros.

Dra. Maria Izabel Gallão

Complexo de poro

Dra. Maria Izabel Gallão

Face citoplasmática

Face nuclear

Dra. Maria Izabel Gallão

Complexos de poro → Núcleo → citoplasma

• Função • moléculas pequena → transporte passivo • moléculas grandes → transporteativo → através de receptores presentes nas membranas do EN ocorre o reconhecimento dos RNAs e proteínas.

Dra. Maria Izabel Gallão

Dra. Maria Izabel Gallão

Lâmina Nuclear
• 10-20 nm de espessura. • Proteínas laminas A, B e C → filamentos intermediários do citoesqueleto. • Lamina B → possui uma porção lipídica que se insere na bicamada, a essa proteína se associam as laminas A e C. •Função • manter a forma e dar suporte estrutural ao EN → ligação da fibras cromatínicas ao EN. • Mitose → fosforilação e desfosforilação.
Dra. Maria Izabel Gallão

Dra. Maria Izabel Gallão

Dra. Maria Izabel Gallão

• Nucleoplasma → porção aquosa constituída por proteínas, RNAs, nucleosídeos e íons, onde estão mergulhados nucléolo e cromatina.

Dra. Maria Izabel Gallão

CROMATINA
•porção do núcleo, com exceção do nucléolo, se cora e é visível ao MO. • cromatina e cromossomos representam dois aspectos morfológicos da mesma estrutura.

Dra. Maria Izabel Gallão

Testículo de rato – espermatócito I e I - HE

Dra. Maria Izabel Gallão

Dra. Maria Izabel Gallão

Composição química
• DNA, RNA, proteínas histônicas e não histônicas. • DNA • 2 cadeias depolinucleotídeos complementares e antiparalelas. • quantidade de DNA por núcleo varia de espécie para espécie. • RNA • - cerca de 3%.
Dra. Maria Izabel Gallão

Histonas
• proteínas básicas devido a grande presença de aminoácidos ARGININA e LISINA. • proteínas de baixo peso molecular. • não são renovadas constantemente como a maioria das outras proteínas. • corantes básicos  basofilia  basófila • H2A, H2B,H3 e H4  são menores com 102-135 aminoácidos  altamente conservados. • H1  possui cerca de 220 aminoácidos  menor grau de conservação durante a evolução. • H5  eritrócitos nucleados de aves.
Dra. Maria Izabel Gallão

• Proteínas não histônicas • ácidas, podem ser encontradas ligadas ao DNA ou dispersas no nucleoplasma: • a) 30 proteínas participam da estrutura dos cromossomos; • b)...
tracking img