Npi da africa e da america latina

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1447 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 6 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
A industrialização por substituição de importações
A estratégia de industrialização que foi utilizada num primeira fase, pela América Latina, foi a Substituição de Importações. Teve como alavanca a grande contenção das importações da região devido a uma crise económica na Europa e nos EUA. A escassez de produtos manufacturados levou aoinvestimento dos empresários locais. Os Estados, conscientes das potencialidades, protegeram esta dinâmica e paralelamente esforçavam-se por criar condições para uma procura mais sustentada nos mercados nacionais.
Da indústria de bens de consumo passaram à indústria pesada e à produção de bens duradouros nos anos 50. A necessidade crescente de tecnologias abriu portas ao investimento das empresasmultinacionais, atraídas pelo crescimento económico e estimuladas pelo proteccionismo que caracterizava estes mercados.
A crise que se instalou nos anos 60 e durou 20 anos, resultou da degradação dos meios de troca no comércio mundial, que obrigou ao endividamento externo, da pequena dimensão da maioria dos mercados e das desigualdades sociais que os regimes autoritários agravaram.
As associaçõesregionais de comércio livre, como o Mercosul, estimularam a cooperação Sul/Sul, reflectindo-se positivamente no crescimento económico.
O continente africano, em particular a África Austral, apesar dos elevados níveis de pobreza e dos governos corruptos, está lentamente a mudar. Um conjunto de países e que se destacam a África do Sul, o Botswana, a Maurícia e o Uganda, apresentam taxas decrescimento assinaláveis e servem de exemplo e incentivo às economias da região no sentido de mudança.





A crise dos anos 60 do seculo xx
A crise deste modelo nos anos 60 do seculo xx foi o resultado conjugado de dois factores:
- O Primeiro Factor tem a ver com o kodo de financiamento da industrialização. Com efeito, o investimento produtivo fica dependente da possibilidade de acessodas empresas as divisas exigidas para a importação de bens de equipamento necessários. Ora, a capacidade de importação do país está condicionada em grande medida pelas receitas de exportação do sector agrícola onde os preços se degradam progressivamente. Assim a capacidade de endividamento externo dos Estados da região é necessariamente limitada;
- O segundo factor tem a ver com as dimensões domercado interno e com o nível de rendimento médio da população, que não permite rentabilizar a produção de bens a preços unitários elevados. Este último aspecto foi, em parte, contornado, a partir dos anos 60 do século XX, por políticas que favoreceram o poder de compra de parte das classes médias, que assim passam a reger-se por normas de consumo ocidentais. Aplicadas por regimes autoritários,estas políticas criaram um fosso social extremamente grave, além de uma imensa dívida externa, herança dos governos não militares regressados ao poder os anos 80 do século XX.
Durante os anos 80 do século XX o PIB per capita regrediu 8,3% no conjunto da região e mais de 20% na Argentina, Venezuela, Peru, Bolívia e Nicarágua. Só o Chile e a colômbia e, em menor grau, a República Dominicanaconseguiram uma evolução positiva.
Todosos governos eleitos se converteram ao programa neoliberal ( liberalização dos preços, das importações e das taxas de câmbio, supressão das subvenções e privatizações em massa, eliminação de défice público,etc.) como tábua de salvação, para uma recuperação económia.



A afirmação actual dos NPI da América Latina só o futuro o dirá
No final dos anos80 doséculo XX os países latino-americanos pareciam destinados a passar pelo menos outros dez anos antes de conseguirem sair do ciclo vicioso da dívida e dos ciclos de hiperinfação, fugas de capitais, corrupção, problemas de propriedade, violência urbana, desvalorização das moedas e dos inúmeros obstáculos políticos às reformas.
As visões mais pessimistas não se concretizaram. A taxa média de...
tracking img