Neuroblastoma

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2517 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
1. INTRODUÇÃO


De acordo com o INCA (Instituto Nacional do Câncer) “O Câncer infantil corresponde a um grupo de várias doenças que têm em comum a proliferação descontrolada de células anormais e que pode ocorrer em qualquer local do organismo”. Diferentemente do câncer de adulto, o câncer da criança geralmente afeta as células do sistema sanguíneo e os tecidos de sustentação, enquanto queo do adulto afeta as células do epitélio, que recobre os diferentes órgãos (câncer de mama, câncer de pulmão).
Segundo o INCA as neoplasias mais frequentes na infância em ordem de prevalência são as leucemias, tumores do sistema nervoso central e linfomas, neuroblastoma, (tumor do sistema nervoso periférico) tumor de wilms, retinoblastoma, tumor germinativo, osteossarcoma e sarcoma (BRASIL,2012).
Como já mencionado o neuroblastona é a quarta neoplasia mais frequente em criança e a mais comum em lactantes. De acordo com Tomo II (2003 p.938) “Metade dos casos ocorre em crianças com idade inferior a 2 anos (25% inferior a 1ano) e cerca de ¾ nos primeiros 4 anos de vida, sendo a idade média ao diagnóstico ao redor de 2 anos, com discreto predomínio do sexo masculino.
De acordo comreferências dos registros de bases populacional, são estimados mais de 9.000 casos novos de câncer infanto-juvenil por ano. ressaltando que no Brasil, o câncer já representa a segunda causa de mortalidade proporcional entre crianças e adolescentes entre 1 a 19 anos, para todas as regiões (INCA, 2012).
O câncer na infância é um processo difícil e traumático, enfrentado pela criança e sua família,portanto faz-se necessário a atenção do profissional de enfermagem não só para a recuperação biológica, como também dos aspectos psicossociais, bem estar e qualidade de vida da criança e sua família. Para uma atenção integral e de qualidade é necessário a inserção de uma equipe multiprofissional, focada na assistência de ambas as partes.

2. OBJETIVOS

3.2. Objetivo geralAmpliar o conhecimento sobre o neuroblastoma abordando sua causa, sinais e sintomas, diagnóstico e tratamento.

3.2. Objetivo específico

Estudar e analisar os diagnósticos e intervenções de enfermagem para a criança com câncer.

3. REVISÃO DE LITERTURA

3.1 O NEUROBLASTOMA

De acordo com Tomo II (2003), “o neuroblastoma origina-se de células simpatogônias, células nervosasindiferenciadas da crista neural, das quais derivam a medula da adrenal e todos os gânglios e plexos simpáticos”. Estas células se diferenciam dentro do tecido normal do sistema nervoso simpático, como os gânglios simpáticos paraespinhais e as células cromafins da adrenal.
De acordo com características anatomopatológicas as células neoplásicas são agrupadas ao redor de um centro no qual processosneurais fibrilares se entrelaçam formando as rosetas Figura 1.


Figura 1: Células com neuroblastoma e rosetas no interior
Fonte: http://www.webpathology.com/image.asp?case=149&n=5

Para Silva (2010 p. 538) O neuroblastoma é um tumor constituído de neuroblastosindiferenciados. O neuroblasto é uma célula nervosa embrionária ancestral ao neurônio.

3.2. SINAIS E SINTOMAS

De acordo com Tomo II (2003), os neuroblastomas tem um quadro clínico bastante variado, dependendo das características do tumor primário de sua integridade, do comprometimento de estruturas vizinhas e da presença de metástases.
Inicialmente a evidência mais comum é oaparecimento no abdômen de uma massa dura, indolor e de superfície irregular, que cruza alinha média e comprime o rim, ureter, ou bexiga e pode causar polaciúria ou retenção urinária. Os locais mais frequentes de metástases são medula óssea, fígado, pele e gânglios, os principais sintomas da metástase distante são: equimose supra-orbitária, edema periorbitário, proptose por invasão de tecidos moles...
tracking img