Nem sei

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (378 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de julho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
O Carteiro e o Poeta
Por razões políticas o poeta chileno Pablo Neruda se exila em uma ilha na Itália. Lá ele conhece ex-pescador que, por falta de emprego, candidata-se ao cargo de carteiro napequena ilha onde morava e com quem trava uma espécie de amizade, importante não para Neruda, que era um homem do mundo, mas para o carteiro, que muito simples, porém extremamente sensível, o admiraporque escreve poesias falando de amor e para tanto procura se aproximar dele, pedindo dedicatória para seu livro. Neruda, de início recebe muita correspondência, mas com o passar dos dias, parece ter sidoesquecido pelo mundo. E Mário, o carteiro, passa a ser o único contato de Neruda com o mundo, além de sua mulher. E a primeira conversa que têm é sobre metáforas, discutindo sobre o livro de Nerudaque Mário havia lido.
E Mário começa a sonhar em ser poeta, para que assim as mulheres se apaixonem por ele.
E com as conversas com Neruda, também começa a se tornar politizado e se declaracomunista, tal como Neruda o é. É também apaixonado por Beatrice, garota que trabalha no bar da ilha. Neruda torna-se seu confidente e pede que ele lhe escreva uma poesia para dar a Beatrice. Ele acaba por secasar com ela. Neruda assina como testemunha do casamento, na festa do casamento, anuncia que seu exílio havia acabado e, portanto, poderia voltar ao Chile.
Mário continua seguindo os passos deNeruda pelos jornais, sonhando que ele voltasse a visitar seus amigos da ilha. Mas a única coisa que recebe é uma carta do secretário pedindo que envie as coisas de Neruda para o Chile. Quando volta acasa, encontra o gravador e grava uma mensagem singela sobre os sons da ilha para mandar a Neruda.
Quando, alguns anos depois, Neruda volta à ilha, procura por Mário. Encontra apenas seu filho e suaesposa: Mário morrera num tumulto onde fora preso e morto pela polícia. Nada político: apenas subira ao palanque para dizer um poema que fizera e dedicara a Neruda.
Sua mulher entrega-lhe então a...
tracking img