Monitoramento

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 33 (8148 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Quatro Cenários Econômicos para o Brasil 2008-2014

1º Monitoramento
Outubro de 2008

Resumo Executivo

1
A realidade é repleta de incertezas, e sua existência torna indispensável um esforço permanente em acompanhar o movimento dos principais eventos que se desenvolvem em âmbito mundial e nacional, de modo a identificar sinais e padrões de comportamento que possam alterar as perspectivasprevistas em relação ao futuro e, nesse caso, redirecionar as decisões estratégicas tomadas no presente. Nesse esforço de delimitação e organização das incertezas, a construção de cenários constitui apenas o primeiro momento do processo de reflexão estratégica diante do futuro. Enquanto os cenários alternativos conferem às instituições um referencial para o acompanhamento do futuro, omonitoramento consiste em um processo permanente e sistemático de avaliação da realidade à luz do que foi antecipado pela construção dos cenários de modo ajustar a estratégia à medida que esta é implementada. Em agosto de 2008, a Macroplan publicou o estudo “Quatro Cenários Econômicos para o Brasil 2008-2014”.1 Um dos principais eventos previstos consistia na crise financeira americana – incluindo apossibilidade de uma crise de confiança no mercado financeiro internacional. No início de setembro, esta crise finalmente eclodiu e, embora fosse altamente previsível, está exibindo intensidade e rapidez de propagação muito maior que as imaginadas pela grande maioria dos analistas. Isso sinaliza a possibilidade de amplas mudanças no quadro econômico mundial, com reflexos sobre o Brasil. Desde que seinstaurou a crise do subprime, em julho de 2007, os números são catastróficos. No mundo, as bolsas acumularam perdas de, aproximadamente, US$16 trilhões, o equivalente a pouco mais de 12 vezes o PIB do Brasil de 2007. Essa grande volatilidade nos mercados certamente afeta toda a economia mundial, que está mais globalizada do que nunca. E o Brasil não foge à regra. Mesmo que o sistema financeirobrasileiro não esteja envolvido com a crise do subprime, o País não está imune às turbulências. É verdade que, em 2008, o Brasil é uma economia bem mais sólida e menos vulnerável às flutuações dos mercados internacionais do que era 10 anos atrás. Soma-se a isso a existência de um sistema bancário sólido, bem regulado e reconhecido como um dos mais eficientes do mundo. Mas, em momentos de crise, todocuidado é pouco. O Brasil deve sofrer com a crise seja pela fuga de capital especulativo, pela desaceleração da entrada de investimento direto estrangeiro ou ainda pela queda no preço das commodities, e, portanto já é previsível uma desaceleração no atual ritmo de crescimento. Desde o início de 2008, já saíram do País, aproximadamente, R$ 19 bilhões de investimentos estrangeiros. O primeiro impactofoi sobre as bolsas. A Bovespa acumula, no ano, uma

1

O leitor poderá ter acesso ao estudo “Quatro Cenários Econômicos para o Brasil 2008-2014” mediante consulta ao site www.macroplan.com.br , na seção Observatório (Cenários e Prospectiva).

1

desvalorização de quase 54%. Nos últimos três meses, a taxa de câmbio real/dólar desvalorizou, aproximadamente, 37% e o risco-país aumentou maisde 143%. Diante de acontecimentos dotados de tamanha magnitude e imprevisibilidade, mapear certezas e incertezas e antecipar possibilidades acerca do futuro é uma valiosa forma para se evitar a irracionalidade e a contaminação pelo pânico e à paralisia por excesso de análise. É preciso procurar entender a natureza do fenômeno, mapear os impactos previsíveis e identificar as novas incertezasemergentes. No mundo, as principais certezas se referem ao aumento da regulação sobre o sistema financeiro, à diminuição da liquidez, à maior aversão ao risco e à desaceleração da economia global. Já no Brasil, dentre os principais fenômenos que são certos ou quase certos, destacam-se pressões sobre o câmbio e a inflação, contração de crédito e aumento do custo de capital, redução do investimento...
tracking img