Mitos e ritos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1172 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais











Categorias de Interpretação
Mitos e Ritos









Engenharia Metalúrgia
Aluna:Alessandra Scarpelli Ferreira
Disciplina:Cultura Religiosa










Belo Horizonte
Abril de 2013
1-Pode um objeto qualquer vir a ser um objeto sagrado?Como? Exemplifique.Qualquer objeto pode se tornar sagrado, visto que os objetos utilizados para o sagrado são objetos exclusivos do mundo natural e real, utilizados para expressar o sobrenatural e o divino, sendo assim qualquer objeto pode ser sagrado dependendo do ponto de vista, um exemplo são pedras consideradas sagradas, de certa forma elas não possuem um diferencial notório com relação as outras pedras , porémpara os que a consideram sagradas ele deixa de ser uma pedra comum e passa a simbolizar o que somente os que possuem uma experiência religiosa podem compreender.
É portanto estranho imaginar que uma imagem de barro, uma árvore ou até mesmo uma simples pedra para um grupo especifico pode significar muito além dos que os olhos puramente humanos podem enxergar, dessa forma objetos se tornamsagrados devido a fé e a cultura de cada olhar.



2-Mitos e Ritos

Mitos

Conceito

São narrativas que relatam uma criação onde os agentes dessa criação são sempre seres sobrenaturais, não são frutos de imaginação , pois sempre são comprovados pela existência do mundo como um todo.
De acordo com Miecea Eliade “ todo mito conta uma história sagrada;ele relata um acontecimentoocorrido no tempo primordial , o tempo fabuloso o principio.”¹

Características

Caracteriza-se por utilizar seres como deuses e heróis cuja a imagem de suas vidas torna-se exemplo e seus ensinamentos corretos por possuírem condição sobrenatural.Além disso geralmente conta histórias no passado, essas histórias podem ser contadas tanto por seus personagens tanto como por um observador.Classificação

Devido a quantidade de tipos de mitos, serão mencionados os mais comuns.

Mitos de Vida: relatam a formação do mundo e tudo que nele há através de um ser divino.

Mitos de Origem: relatam como ocorreu a formação de tudo, porém através do objeto natureza.

Mitos Tribais: São os mitos que se apresentam em um contexto indígena, que por sua maioria descrevem o herói da tribo.Mitos de morte: relatam o fim do se ser humano e o destino do mesmo.



1.ELIADE, Mircea ,Mito e realidade , São Paulo ,Perspectiva,1972,p.10.O sagrado e o profano,op.cit,p10






Ritos

Conceito

O rito é a forma de expressar através das ações o mito. Para Junito de Souza Brandão“O rito é o mito em ação.O mito rememora e o rito comemora.”²


Características

Cada ritopossui uma linguagem própria de realizar suas ações, cada cerimônia possui símbolos e formas diferentes de expressar os mitos envolvidos naquele dado contexto e cultura, dessa forma caracterizá-lo é de modo geral tarefa complexa, visto que cada rito possui características únicas e individuais.


Classificação

Por haver inúmeras classificações, serão citadas a seguir as mais comuns demodo geral.

Ritos de passagem: São os ritos que expressam uma dada passagem na vida dos seres, que passam por diversas mudanças de tempo, lugar e situação, como o nascimento e a morte, ou até mesmo o estado civil, algum acontecimento que tenha marcado nitidamente a diferença do antes e depois do acontecimento.

Ritos de participação:São aqueles cujo seus participantes se relacionam dealguma maneira com a divindade, como orações, sacrifícios, consagrações e jejuns.São marcados por louvor e adoração a ser divino.

Ritos sacrificais: São aqueles que tornam os objetos sou pessoas sagrados devido o sacrificio cultuado por ele.














2.BRANDÃO, Junito de Souza,op.cit,p.39.


3-O Mito de YEMANJÁ – IEMANJÁ – YEMONJÁ
Publicado 31 de janeiro de...
tracking img